11 de jun de 2016

SIM, O NOSSO CAMPO MOURÃO BASQUETE é campeão

Sim, gostaríamos de ter saído nesta sexta-feira, 10 de junho do ano da graça de 2016 com a faixa de Campeão Brasileiro de Basquete da Liga Ouro e bater no peito e em carreata pelas ruas em uma noite fria, gritar: "É Campeão! Campo Mourão!". Eu, você e milhares de mourãoenses apaixonados pelo esporte e sua gente. Gente que ama esta terra abençoada. Mas não deu!
Não deu porque a magia do esporte e das decisões não pode premiar dois times, entregar dois troféus de campeão para um mesmo time e então, um só sobe ao pódio. E nas decisões, um é melhor e o mais eficiente geralmente vence. 
Mas no nosso caso, sendo Campo Mourão a cidade com o menor número de habitantes entre todas as que integram a Liga Nacional de Basquete - no NBB e na Ouro- podemos estufar o peito e deixar o orgulho cantar mais alto: "Sou mourãoense com muito orgulho" e somos campeões.
Campeões na paixão dos torcedores, com muitos aprendendo ainda a  torcer e entender o que é e como funciona o basquete, que é decidido em milésimos de segundos. 
Campeões nos propósitos e na organização de um projeto que culmina com o profissional, mas antecede com as categorias de base e a formação de centenas de crianças como pessoa, cidadão e atleta.
Campeões na vontade, garra e obstinação de um grupo de pessoas que, com idealismo, entre eles, citando somente dois, como o professor Emerson e o presidente da Amobasquete Nelsinho se dedicam muito, muito mesmo dentro e fora das quadras para fazer acontecer uma realidade que não é fácil, e muitos torcedores não sabem, nem imaginam o que é e como é feito para angariar recursos, montar e manter um grupo de profisssionais, e fazer o trabalho acontecer.
Campeões no idealismo, lembrando não só daqueles de hoje, mas de todos os esportistas, como a Celebridade Edson Hirata, o "China" e muitos outros, que idealizaram há menos de uma década o projeto Amobasquete.
Campeões são os mourãoenses que amam esta terra. Muitos são apenas espectadores e ainda aprendendo a torcer, mas deram um show nas arquibancadas e tiverem o seu bairrismo exaltado quando cantaram "Campo Mourão! Campo Mourão!". E foram um dos 1.574 torcedores no público recorde da história do esporte no ginasinho JK.
Enfim, meus amigos leitores e apaixonados pelo basquete, somos todos campeões. 
É momento de agradecer a Deus e a toda essa gente conhecida e anônima, de longe ou de perto, autoridades ou do povo, que fizeram o melhor momento do basquete mourãoense em toda a sua história - em 2005, o título paranaense foi no mesmo JK com os Jogos Abertos do Paraná.
Somos campeões também quando vestimos a nossa camisa amarela, preta e branca, com o nome da nossa Campo Mourão. Com orgulho, recordo da tarde em que eu e meu filho Ricardo tivemos a ideia de criar a logo do "Campo Mourão Basquete" e de posse dela fomos até a BLZ do amigo Eder para junto com a Rebeca colocar no papel a ideia da primeira logomarca. 
Viva o Campo Mourão Basquete! 
Na Liga Ouro somos vice-campeões brasileiros de Basquete, mas para mim e você, o nosso basquete, o nosso Campo Mourão Basquete é CAMPEÃO!

Um comentário: