21 de jun de 2009

ENTREVISTA DE DOMINGO: Rosângela Pombo Kock


A professora de Educação Física e apaixonada pelo voleibol, Rosângela Maria Pombo Kock é a entrevistada de hoje da coluna ENTREVISTA DE DOMINGO.
Rosângela lembra um pouco da sua carreira ao lado das pioneiras do voleibol mourãoense, avalia a modalidade em âmbito local e nacional, bem como diz da importância do professor de educação física.
Destaca as personalidades no esporte e na cidade, bem como diz quais seriam suas prioridades caso estivesse a frente da Secretaria Municipal de Esportes.
E lembra também importantes títulos conquistados pela modalidade ao longo das últimas décadas. Ótima leitura.
Quem é Rosângela Maria Pombo Koch?
Sou filha de Maria de Melo Pombo e Antônio Pombo Neto. Nasci em Jaguapitã (PR), às 3h45min do dia 29 de novembro de 1962 (quinta-feira), como diz a minha mãe “em uma bela madrugada da primavera”. Vim para a Região de Campo Mourão em junho de 1967, onde morei até o ano de 1970 em um sítio próximo às Thermas de Jurema “antiga água quente”. Passei a morar com meus avôs paternos para estudar no atual Colégio Estadual Dom Bosco, onde fiz do primário até a 6ª série, e terminei o ensino fundamental e médio no atual Colégio Estadual de Campo Mourão.
Sou casada há 23 anos com o Professor de Educação Física Carlos Antônio Izidoro Koch, e sou mãe de um casal de filhos, Fabrício Pombo Koch de 22 anos e Paola Pombo Koch de 15 anos. Onde estudou e iniciou sua vida profissional?
Estudei no Colégio Estadual Dom Bosco e Colégio Estadual de Campo Mourão e fiz o ensino superior na Universidade Estadual de Londrina. Sou Pós-graduada em Treinamento Desportivo pela Universidade Estadual de Maringá, Voleibol pela Universidade Oeste do Paraná – Londrina e Gestão, Supervisão e Orientação Educacional pela FECILCAM.
Comecei a trabalhar como professora de Educação Física na antiga Academia Stética de Campo Mourão, em seguida fui trabalhar no Colégio Vicentino de Campo Mourão. No ano de 1986 comecei a trabalhar pelo Estado no Colégio Estadual Jaelson Biácio – Distrito de Piquirivaí, e hoje trabalho no Colégio Estadual Professor Darcy José Costa.
O que faz hoje profissionalmente?
Hoje trabalho como professora da rede estadual e coordeno dois projetos da lei de incentivo ao esporte: Voleibol Ltd@ voltado às equipes de rendimento e o Projeto Vôlei Criança voltado para a iniciação e ao social.
Como foi o início e como foi sua atuação no voleibol? No ano de 1985 , depois dos Jogos Abertos de Campo Mourão, cinco meninas do Colégio Estadual de Campo Mourão e do Instituto Santa Cruz, se reuniram e pediram para eu dar treinos de voleibol. Como não tinha local, começamos no ano de 1986 os treinamentos na rua em frente da minha casa, com uma única bola. Após alguns meses de treinamento o pai da Lisliane Tagliari nos cedeu a quadra para treinamento, e o pai da Carla Angheben nos patrocinou com cinco bolas. Na foto à direita, as Atletas que começaram o voleibol mourãoense: Denise Dal´Pizzol, Lisliane Tagliari, Carla Angheben, Juliana Koprecher, Denise Yurasseck e Rosângela Pombo – técnica que treria que jogar para completar a equipe.
Em 1986 participei pela primeira vez como técnica dos Jogos Colegiais do Paraná – Fase Municipal pelo Colégio Estadual Jaelson Biácio do distrito de Piquirivaí, classificando a equipe (foto abaixo) para a regional em Umuarama.
No ano de 1987, nos classificamos pela primeira vez para a fase final dos Jogos Colegiais do Paraná pelo Colégio Estadual de Campo Mourão, e a partir deste ano Campo Mourão nunca deixou de ir para a fase final dos Jogos Colegiais do Paraná na categoria “A”.
Em 1988 o voleibol de Campo Mourão participa pela primeira vez da segunda edição dos Jogos da Juventude do Paraná na cidade de Foz do Iguaçu, e tem garantido sua participação até hoje na fase final dos jogos.
Já nos Jogos Abertos do Paraná em 1989 comandei a equipe Mourãoense pela primeira vez como técnica. Até o ano de 1992 as nossas participações se restringiam em Jogos da Juventude, Colegiais, Abertos e eventos do município, no ano seguinte, em 1993 iniciamos nossa participação no Campeonato Paranaense de Voleibol na cidade de Curitiba, com a categoria infantil, ficando em último lugar.
Já no próximo ano a mesma equipe é medalha de bronze na categoria infanto na cidade de Cascavel. Em 1995 fui convidada para participar de um estágio com a Seleção Brasileira Infanto Feminina, cujos treinamentos aconteceram em Belo Horizonte, como preparação para o Mundial disputado na França naquele mesmo ano.
Em 1997 também fui professora do Projeto Rexona, instalado no Colégio Estadual Dom Bosco, cuja inauguração contou com a presença do Bernardinho, atual técnico da Seleção Brasileira de Voleibol Masculino - foto ao lado. Como é a coordenação do Projeto de Voleibol CM?
É uma maneira de estar envolvida com a modalidade na qual fui técnica por muitos anos, e por problemas de saúde fui obrigada a deixar de atuar como técnica. Sinto que tenho muito a contribuir com as crianças e o município, pois adoro trabalhar e vivenciar a modalidade de voleibol nos olhos dos nossos adolescentes, e dar perspectiva e esperança de uma vida melhor, nem que seja por alguns momentos nas suas vidas.
O projeto Vôlei Criança que tem como objetivos reforçar e intensificar o trabalho de iniciação na modalidade de voleibol feminino e masculino, por meio da descentralização das atividades para as escolas, aumentando com isso as possibilidades do surgimento de novos valores. Também visa aplicar uma metodologia (mini vôlei) que respeita as etapas de desenvolvimento da criança, possibilitando realizar os fundamentos do jogo com maior facilidade. Além de contribuir para transformar a vida e a perspectiva de crianças e jovens da comunidade Mourãoense por meio dos valores do esporte.
Já o projeto Voleibol Ltd@ auxilia as equipes de rendimento de Campo Mourão que têm como meta representar o Município em competições de âmbito regional, estadual e nacional.
Quais os melhores resultados deste projeto de Voleibol?
Aqui não me restringirei apenas aos resultados dos projetos, mas também a algumas conquistas importantes para o município que marcaram a minha vida profissional, tais como:
·Vice-campeão dos Jogos da Juventude do Paraná – Divisão A; Campeã da Copa Integração de Voleibol; Vice-campeã da Copa Integração de Voleibol; Vice-campeã dos Jogos Escolares do Paraná; 3º lugar nos Jogos Escolares do Paraná; Vice-campeã dos Jogos Colegiais do Paraná; Medalha de Bronze no Campeonato Paranaense de Voleibol categoria infanto; Medalha de Bronze no Campeonato Paranaense de Voleibol categoria mirim; Vice-campeã da Taça Paraná de voleibol; Vice-campeã dos Jogos da Juventude do Paraná - Classe B; Campeã dos Jogos da Juventude do Paraná - Classe B; Vice-campeã dos Jogos da Juventude do Paraná – Classe A; Vice-campeã dos Jogos Abertos do Paraná – Classe B; 3º lugar nos Jogos Abertos do Paraná – Classe A; Campeã dos Jogos da Juventude do Paraná – Divisão B como coordenadora do projeto voleibol ltd@; 3º lugar dos jogos abertos do Paraná – Divisão B como coordenadora do projeto voleibol ltd@.
Há quanto tempo o projeto existe?
O projeto Voleibol Ltd@ existe desde 2006 e vôlei criança começou em 2008.
O Colégio Darcy Costa é privilegiado por reunir os projetos Volei Criança e Xeque-Mate de Xadrez. Na foto as coordenadoras com os monitores.
Qual seu esporte preferido, seu time e maior ídolo?
Para trabalhar é o voleibol, para assistir Ginástica Artística, e o meu time do coração é o Palmeiras, e quanto a ídolo é a Hortência do basquetebol, modalidade que treinei e representei o município na minha juventude.
Como está o nível do voleibol ?
O Município e o Voleibol Feminino Mourãoense, juntamente com suas atletas se destacam no cenário esportivo até os dias de hoje, e isso se deve a seriedade com que é feito o trabalho de iniciação e rendimento no Município, levando a modalidade aos bairros, com apoio da Prefeitura e da iniciativa privada. Oportunizando a prática do Voleibol de uma forma sadia e organizada, o que auxilia também na conscientização da necessidade da disciplina, respeito, espírito esportivo, responsabilidade dentre outros valores tão importantes para a formação não apenas da atleta, mas colaborando na sua formação enquanto sujeito e futuras profissionais e mães de família.
Aliás, como já fazem parte da sociedade Mourãoense diversas ex-atletas que hoje praticam o voleibol como recreação, e que são mães e profissionais nos mais diversos segmentos e deixaram a sua contribuição para a história do Voleibol Feminino de Campo Mourão.
Já o voleibol brasileiro quem acreditaria que atingiríamos este patamar e seríamos o segundo esporte mais praticado no Brasil depois do futebol... sem comentários.
Há dificuldades pela falta de patrocinadores e apoiadores?
A grande dificuldade é que somos imediatistas e queremos a vitória a qualquer custo, e a maioria das vezes a marca “patrocinador” quer investir em quem só dá resultados, mas para que os resultados aconteçam precisam de investimentos.
Joper Tapeçaria, do Joaquim (in memorian) foi a primeira a patrocinar o voleibol feminino.
O que a senhora não fez, que ainda gostaria de fazer?
Ir para uma Olimpíada.
Se fosse secretária de Esportes, quais seriam suas prioridades? Investiria nas crianças de Campo Mourão independente da modalidade, levando cada vez mais o esporte para os bairros, e modernizaria os centros de integração e da melhor idade, na sua infraestrutura de forma geral para uma melhor qualidade de vida por meio de uma maior facilidade de acesso à prática esportiva, seja no rendimento ou no lazer e recreação.
Ética em uma frase é...
Saber respeitar as diferenças
Ser professora de Educação Física é....
Às vezes levarmos uma pequena vantagem, se assim podemos dizer, sobre os demais professores, pois a maioria dos alunos manifestam-se ansiosos pelas nossas aulas, o que de certa forma aumenta a nossa responsabilidade. Só que isso não é tudo, o mais importante é ter a oportunidade de cada dia vivenciar uma atividade nova, poder contribuir na formação do sujeito por meio de atividades esportivas/educativas e quem sabe ajudar alguns alunos a transformar suas expectativas de vida para um futuro melhor... isso não tem preço.
Política é...
Uma democracia camuflada pela retórica dos fazedores da política que na maioria das vezes não são os políticos dignos dos cargos para os quais foram eleitos.
O governo Nelson Tureck é.....
Popular.
O governo Lula é ...
Aquele que dá o peixe à população em vez de ensiná-la a pescar.
O que a Senhora mais gosta em Campo Mourão?
Quando o município sedia eventos esportivos, acho lindo entrar nos ginásios lotados e ver a população mourãoense torcendo, vibrando, gritando pelos atletas pratas da casa... fico emocionada. Lembro até hoje quando assisti pela primeira vez a um jogo de Campo Mourão em 1976, no ginásio Belin Carolo, fiquei encantada com aquilo tudo e foi quando tive a certeza que aquilo tudo faria parte da minha vida.
Cite alguns fatos pitorescos vividos como aluna e professora?
Como aluna foi quando cursava Educação Física em Londrina e estava em plena sala de aula, quando apareceu a jogadora de Basquetebol Hortência junto com o meu professor de basquetebol e disse “vim conhecer e entregar uma camiseta para uma aluna que dizem ser a minha cara” e, mais uma vez fiquei sem palavras e claro lisonjeada com a homenagem.
E como professora um fato que me marcou foi quando fiz 42 anos e estava na cidade de Formosa do Oeste – PR, na copa integração de voleibol feminino, e as atletas cantaram Parabéns o dia todo até totalizar a idade que estava completando naquele dia... nunca fiquei tão feliz e envergonhada ao mesmo tempo.
Cite três personalidades esportivas de Campo Mourão?
Professor Josué de Souza Santos (meu primeiro técnico), grande incentivador das atividades esportivas na minha vida e atualmente residindo em Londrina; Professor Carlão (meu marido) pela honestidade, competência, sabedoria e simplicidade com que desenvolve suas atividades esportivas. Silvana Casali (minha comadre) pela determinação e garra em tudo o que faz e fez por Campo Mourão.
Quem é destaque hoje?
Hoje destaco o professor Edson Hirata “China” pelo profissionalismo e objetivos que tem com o basquetebol Mourãoense.
Cite três personalidades mourãoenses?
Elza Hannel pelo carinho e desprendimento que tem com as crianças e a luta de anos em prol das famílias mourãoenses.
Dona Jacira pelo amparo, abnegação e serviços prestados às crianças necessitadas de forma humilde e anônima.
Ari Matheus, esportista que marcou a minha infância pelas conquistas internacionais no ciclismo, adorava quando ele aparecia na propaganda como bicho do Paraná, é um exemplo de longevidade no esporte.
E gostaria de destacar não somente uma pessoa, mas, várias que trabalham incansavelmente como voluntárias em prol de entidades assistenciais. Trabalho que eu admiro e pretendo fazer parte também.
Cite três políticos de destaque.
O ex vereador Carlão (Carlos Antonio Izidoro Koch), pela honestidade, caráter e transparência que teve em seu mandato, princípios de um verdadeiro político... pena que desejamos isso tudo de um político, mas geralmente não votamos neles. Beto Richa prefeito de Curitiba pelo seu dinamismo e carisma político.
Abraão Lincoln por sua persistência em ser um político.
A Campo Mourão do presente é......
Uma cidade com muitas probabilidades de crescimento e desenvolvimento, em todas as áreas, sem com isso perder a sua essência de cidade hospitaleira.
A Campo Mourão do futuro será....
Transformada pelos grandes investimentos que serão feitos na área da cultura, saúde, esporte e educação.
Qual o seu recado aos leitores do BLOG?
“Viva e trabalhe, mas não esqueça de brincar, de achar graça na vida, de realmente aproveitar”. (autor desconhecido)
Curiosidade: Primeiro FESTIVOM (Festival Integração de Voleibol Misto) realizado em 1987 no distrito de Piquirivaí com a participação dos então distritos de Campo Mourão - Farol e Luiziana.

29 comentários:

  1. Parabéns Professora Rosângela!
    É de pessoas assim que o mundo precisa. Sua dedicação ao esporte e a educação são e serão sempre reconhecidos.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns paixão da minha vida.
    Jamais eu poderia deixar de postar um comentário para a pessoa que além de uma excelente profissional do esporte e da educação também conquistou meu coração e a minha admiração.
    Talvez as pessoas que leram a sua entrevista não tenham a dimensão do que o voleibol representou e representa para a Rosangela e as dificuldades que ela enfrentou para chegar onde chegou.
    Parabéns Ilivaldo pela sua sensibilidade com os entrevistados e pela homenagem a uma pessoa que dedicou grande parte de sua vida não somente à formação de atletas, mas também à formação de seres humanos, cidadãos e pais e mães de família. Deixo aqui minha singela homenagem com este comentário como forma de reconhecer tudo o que a Rosangela Esposa, Mãe, Técnica, Professora, Amiga, Irmã, Filha e Neta representou e representa para mim e muitas pessoas. E gostaria de dedicar também à duas pessoas que não estão mais entre nós, mas que com certeza onde quer que estejam estão vibrando conosco e com esta homenagem à Rosangela, que são as avós dela, Maria e Gonçalina(in memorian) que foram duas incentivadoras e colabordoras para a sua formação profissional e humana.
    Parabéns Ilivaldo
    Parabéns minha paixão, você merece.
    Carlão

    ResponderExcluir
  3. Mãee você sabe que isso é apenas uma pequena demosntração do quanto você é especial e querida para todos nós.
    Parabéns CREUZA!
    Te amo :D
    Paola x)

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Rosangela, São pessoas e profissionais como você que, através do trabalho, carinho e dedicação, fazem da cidade, do estado, enfim do país, um lugar de melhor qualidade de vida, neste caso, por meio do esporte que é uma prática saudável e sociável.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns tia!!!
    Todo este reconhecimento, por suas palavras e atitudes, são apenas mais uma prova da competente profissional que vc é, que ama o que faz e procura transformar isso em algo melhor para todos!
    Um beijão
    Aline

    ResponderExcluir
  6. Profª Rosangela,
    Homenagem mais que merecida. Exmeplo a ser seguido. Dedicação e comprometimento. Que Deus conserve sempre o sorriso e a energia positiva que voce irradia por onde passa. Parabens. Jairo

    ResponderExcluir
  7. José Roberto Rubira21 de junho de 2009 14:49

    verdade, foi uma luta, lembro de tudo, eu trabalhava com o masculino pelo RONDON em 1996,
    e vc sempre inovando com muita garra, fomos 14 vezes juntos pras finais do paranaense.
    vc merece todas as honras não só pela sua vida profissional, e tbm pela grande amiga que sempre foi, bjos.

    ResponderExcluir
  8. Pude acompanhar boa parte de todo esse legado que a Rosângela construiu no Voleibol. Campo Mourão pode se orgulhar, pois essa grande profissional é respeitada em todo o Brasil pelo seu trabalho, mas é especialmente adorada pelas meninas do voleibol mourãoense, que receberam lições de vida em forma de treinamento.
    As dificuldades que ela relata e a forma perseverante como superou esses obstáculos são modelos para todos os profissionais da nossa área. Rosângela Koch é sinômino de paixão pelo voleibol.
    Parabéns Ilivaldo pela homenagem.
    Abs China

    ResponderExcluir
  9. Parabéns Ro!!!
    Vc é uma pessoa e profissional admirável...sou sua fã...bjs

    ResponderExcluir
  10. oi Rô...
    tô aqui para agradecer tudo o que fez na minha vida!!! Já te disse por diversas vezes o quanto vc foi e é importante pra mim. Qdo fazemos nosso trabalho com o coração, acredito que os resultados e frutos podem até demorar, mas um dia chegam... Nunca esqueço do dia que vc chegou chorando com um passagem na mão pra eu ir até Curitiba, lembra? Sempre que isso vem à minha mente, afirmo a cada vez que vc é uma das poucas do Paraná que acreditou e que ainda acredita nas suas atletas "pratas da casa"!!!Parabéns...

    te amo viu!! mtas saudads...sua eterna atleta
    Dri nº03#rsrs
    :* bju

    ResponderExcluir
  11. Bom, não poderia deixar de fazer um comentário, para uma pessoa exultante como vc; pois vc tbm contribuiu para minha formação. Tbm tenho uma lembrança que nunk esqueço... era o final de semana do dia das mães, e minha mãe tinha ido para Campo Mourão, e vc providenciu um almoço para ela e eu em um super restaurante. Fiquei com feliz naquele dia...

    bom Rô vc eh uma eterna mãe... Amo vc muito...
    obrigada pelas lições de vida!!!

    bjinhos Fica com Deus.

    ResponderExcluir
  12. Rô,parabêns por tudo isso que vc viveu e vive. E que pôde transmitir toda essa sabedoria para suas atletas. mulher guerreira, competente. e que ajudou minha filha:Andrielle ser a guerreira que ela é hoje. e viva a Lazanha...rsrs bjs Deus te Abençoe.

    ResponderExcluir
  13. Rôoo

    vc eh merecedora de todo o reconhecimento do mundo,, vc merece mtu maiis!!

    E Deus sabe o qnto eu gostaria de ter trabalhado com vc antes de fikar velha! =/
    Os nove anos q joguei volei nem se comparam ao pequeno espaço de tempo q estive aprendendo com vc, siinto muita falta!!

    parabéns

    bejuus

    Andressa Machado

    ResponderExcluir
  14. Ilivaldo, vc foi muito feliz em escolher a Rosangela para entrevistar. Homenagem muito merecida.
    Bem, agora, que falar da minha cunhada,irmã,amiga e profissional de extrema dedicação? O homem atual amealha, para destacar-se na sociedade; corrompe , a fim de triunfar; exalta-se para chamar a atenção e desfrutar o máximo que as oportunidades lhe podem oferecer. Envereda por sendas escuras e escusas, nas incertezas que sempre surgem; nos conflitos; nas insatisfações que o desafiam; no medo da morte...Mas, existem sendas luminosas... Feliz do jovem ou criança que encontra a Professora Rosangela no seu caminho!Sempre disposta a fazer o seu papel, antes de tudo, de educadora!Muitas vezes com sacrifício, mas, sempre com renúncia, amor e caridade. Longe da realidade que muitos buscam. Mas, é o que ela faz.Induz aos que estão sob a sua tutela, naqueles momentos, a buscar o caminho da ascenção, através do conhecimento, da disciplina, direcionada pela razão e pelo amor. Parabéns Ro! Deus, no seu infinito amor há de abençoar Vc hoje e sempre! Que currículo! Lindo! Somos muito felizes por tê-la em nosa família. Obrigada. Campo Mourão agradece, as famílias agradecem... Amamos Vc! beijos.
    eijos.

    ResponderExcluir
  15. Bela entrevista, belos relatos e comentários dessa professora/técnica/coordenadora que é um exemplo de dedicação e amor pela atividade que desempenha. Ela ama o que faz e vibra como ninguém com as conquistas e com o desenvolvimento de Campo Mourão, tanto no esporte quanto em todos os outros aspectos. A cidade precisa de gente assim, com garra e vontade, comprometida com um trabalho sério e honesto. O esporte e o povo mourãoense agradecem!
    Bjão
    Beto :)

    ResponderExcluir

  16. Vc é motivo de orgulho para nossa família e toda cidade!!! Pela sua dedicação e esforço em tudo q fez pelo esporte em Campo Mourão.Parabéns pela pessoa q vc é ... por tudo q alcançou e com certeza ainda vai alcançar..
    Desde de criança sempre admirei vc.Foi inspiração na escolha da minha profissão.


    Parabéns por tudo!!!!

    Grande beijo da sua prima e fã:

    Marcia Mello

    ResponderExcluir
  17. Olá Rô
    Parabéns, o esporte precisa de pessoa como vc,profissional, lutadora, dedicada, inteligente e que ama o que faz.Você é uma pessoa encantadora e sempre estará em meu coraçao.
    Te adoro......
    bjos
    Vick

    ResponderExcluir
  18. Rosangela,
    Parabéns e obrigada pela viagem...
    Sua dedicação,garra, comprometimento, preocupação em formar o cidadão, entre tantas outras qualidades já postadas, fazem de vc uma profissional brilhante.
    "Recordar é viver"
    Silvana Casali

    ResponderExcluir
  19. Nossa Rô, não sabia que vc tinha tanta história assim!!!!!, mas quero traduzir em poucas palavras a admiração por sua pessoa pela maneira que conduz seu trabalho - isso é amor pelo que faz - no tocante, parabenizo vc por ser voce sempr e também ao entrevistador pela qualidade na entrevista - Grnade abraço do amigo Silmar Ramos (SR Comunicação & Assessoria)

    ResponderExcluir
  20. OI RÔ!!!
    PARABÉNS, VC MERECE TODO O CARINHO E TODA HOMENAGEM POIS VC É MARAVILHOSA...FUI SUA ALUNA NO COLÉGIO E TB FUI UMA DE SUAS ALUNAS DE VOLÊI...QUE SAUDADES, VALE LEMBRAR QUE VC RÔ FOI UMA DAS PESSOAS MAIS IMPORTANTES QUE JÁ PASSOU PELA MINHA VIDA, OBRIGADA, APRENDÍ MUITO, CONCERTESA VC É MERECEDORA DE TODO ESSE CARINHO E ADMIRAÇÃO QUE TODOS TEM POR VOCÊ...QUE DEUS TE ABENÇOE , POIS É UMA PESSOA ILUMINADA.BEIJOS.

    ResponderExcluir
  21. Rô é com muito orgulho que sempre digo que faço parte do seu projeto. Pois alem de ensinar os atletas a ter objetivo, raça, e determinação para buscar aquilo que querem você é exemplo disso.
    PARABÉNS!!!

    ResponderExcluir
  22. Oi mae!!
    Parabens pela homenagem!!
    Voce merece todo esse reconhecimento.

    te amo!

    Fabrício Pombo Koch

    ResponderExcluir
  23. Rô voce é uma verdadeira Forest Gump.
    Parabéns pelo seu trabalho, sempre admirei o seu trabalho, e pude ter muito orgulho de trabalhar com vc. Parabéns mais uma vez.
    Henrique

    ResponderExcluir
  24. Rô!! Parabéns pela sua contribuição, para com o voleibol paranaense e principalmente na copa Parana, sua presença engrandece e enriquece o evento. Vc é uma grande amiga e profissinal.
    tudo de bom e continue com seu excelente trabalho.
    bjoss

    ResponderExcluir
  25. oi profª tudo bem?eu e a rosmari ficamos muito felizes em rever as fotos,nossa mas que reliquea hein!bons tempos aqueles morremos de saudades.quando tiver uma final aki no campo nos avise.bjssss

    ResponderExcluir
  26. oi profª tudo bem?eu e a rosmari ficamos muito felizes em rever as fotos,nossa mas que reliquea hein!bons tempos aqueles morremos de saudades.quando tiver uma final aki no campo nos avise.bjssss
    Rosilene

    ResponderExcluir
  27. oie.. Rô, que saudades, fiquei feliz em rever as fotos, fico feliz por fazer parte da sua história, o povo do Piquiri sente muita saudades de você, você é única. Parabéns pelo seu tabalho. Ainda bem que minha filha ama vôlei joga pela escola que estuda é ferinha no vôlei hehehe. Sucesso, fica com Deus!!! Grande beijo. Sidinéia Ramos Melquiades. Dourados - MS.

    ResponderExcluir
  28. Parabens Amiga Rosangela.
    Que vida bonita de sucesso.
    Espero que um dia nos encontremos novamente.
    Um abraço carinhoso em vc e toda sua familia
    Prof. Marcelo Leite

    ResponderExcluir
  29. Rosângela, de 86 eu lembro, treinei, mas não fui por causa da idade, era um ano mais velho que a turma...rsrs..fiquei triste, eu me lembro.
    Você ajudou muita gente no Colégio Jaelson Biácio a ter personalidade, deixar a timidez. Lembra dos festivais de Canto, Dança e Dublagens, era muito bom.
    Era tão bom, que depois de ter mudado para Curitiba, voltei em 1998 e participei como Mamonas Assassinas, e foi bom reve-la como jurada.
    Um abraço forte, tenho você como exemplo de dignidade e honestidade...um pouco brava, mas sempre disposta a tirar de seus alunos o melhor. Parabéns e felicidades.
    Durval Oliveira
    dudaoliveira3@hotmail.com

    ResponderExcluir