14 de set de 2019

NO RÁDIO: as atrações do Tocando de Primeira 1.321 na Colméia FM

Daqui a pouco  partir das 11 horas no 
microfone líder da Rádio Colméia FM, a  edição 1.320 no rádio brasileiro do programa campeão Tocando de Primeira com Ilivaldo Duarte.
Em tempo único a partir das 11 horas entrevistas com Leandro Leite, do Grêmio Esportivo Mourãoense, Marley Formentini, secretária municipal da Cultura. E também com os craques do Campo Mourão Futsal, Fabinho e Victor Hugo, e o técnico Wesley Szabo, o "Alemão", sobre a excelente fase do time na Liga Nacional de Futsal.
Mas tem muito mais..
"Eu, você e o rádio”, 
“Eu, você e o jornalismo”.
Tocando de Primeira, um golaço no rádio brasileiro; valorizando o bem, resgatando esperança e promovendo os bons exemplos.

EINSTEIN e a lição sobre o mal


EVANGELHO DO DIA sábado, 14 de setembro 2019


12 de set de 2019

CAMPO MOURÃO goleia Dois Vizinhos em casa e só resta o Paranavaí para encerrar 1a Fase do Paranaense


A COMUNICAÇÃO DA PALAVRA e a dádiva de Deus


É HOJE! CM x Dois Vizinhos, no Majestoso Belin Carolo


EM SILÊNCIO, quando ficar?


VOCÊ ESTÁ amadurecendo?


EVANGELHO DO DIA quinta-feira, 12 de setembro 2019


11 de set de 2019

O ARARUNA ESPORTE CLUBE em 1985 antes da escolha do uniforme grená no Amadorzão da Liga de Campo Mourão

Em uma das formações do Araruna Esporte Clube no Campeonato Amador em 1985, há 34 anos.
Confira este timaço: 
Em pé: Gervásio Zanuto (presidente) Hélio, Gerson, Toninho Moggi, Pedrinho Moggi, Zé Natal, Kika e Dako (técnico); Agachados: Papagaio (massagista). Mazolinha, Humberto, Dierley, Paulinho Sechuk e Tuim. O garotinho da foto é o amigo Orlando Luís FedvYczyk, hoje advogado em Campo Mourão.
O goleiro Gerson Turazzi me contou como curiosidade, que em 1985 o Araruna ainda não tinha voltado a usar a camisa bordo tradicional e experimentou 8 uniformes diferentes, um em cada jogo do Campeonato, antes de decidir pela cor grená.
Mais uma para a história da nossa região de Campo Mourão.

10 de set de 2019

QUARTAS DA LNF: CM ou Foz x Magnus ou Copagril

Na torcida: em passando
pelo Foz, o Campo Mourão Futsal terá como adversário nas quartas de final o vencedor de Magnus ou Copagril. 

Nesta fase das oitavas,
passará às quartas as equipes que vencerem dois jogos, vencerem um e empatarem outro, ou ainda as de melhores classificações na primeira fase se empatarem na prorrogação após dois empates ou uma vitória de cada time. 
É Campo Mourão no seu primeiro ano de LNF fazendo história.

EVANGELHO DO DIA terça-feira, 10 de setembro 2019


9 de set de 2019

OS CONFRONTOS das oitavas de fina na LNFl


CAMPO MOURÃO vai enfrentar Foz no playoff da LNF e decidir classificação no Majestoso Belin Carolo

Foz do Iguaçu. Este será o adversário do Campo Mourão Futsal no playoff da Liga Nacional de Futsal. O segundo jogo será em Campo Mourão no Majestoso Belin Carolo.
Confira os confrontos das oitavas de final
Carlos Barbosa (1º) x Joaçaba (16º)
Corinthians (2º) x Intelli (15º)
Magnus (3º) x Copagril (14º)
Tubarão (4º) x Marreco (13º)
Cascavel (5º) x Jaraguá (12º)
Campo Mourão (6º) x Foz Cataratas (11º)
Joinville (7º) x Assoeva (10º).
Pato (8º) x Atlântico (9º)

7 de set de 2019

QUE A NOSSA FÉ seja inabalável


JARAGUÁ OU MARRECO? Um deles será o adversário do Campo Mourão na segunda fase da Liga Nacional de Futsal

Faltando apenas o jogo Atlântico de Erechim e Corinthians, neste dia 9de setembro para encerrar a primeira fase da Liga Nacional de Futsal, o Campo Mourão ainda não tem confirmado seu adversário nos playoffs da LNF.
A goleada e o bom futsal na noite de sexta-feira, 6, por 5x1 no Majestoso sobre o Marreco de Francisco Beltrão, colocou o Campo Mourão Futsal goleou na quinta posição na tabela, com 34 pontos em 10 vitórias - o Cascavel está em quarto por ter 11 vitórias em 18 jogos.
Se o time alvinegro vencer no Rio Grande do Sul será o Marreco adversário do time mourãoense, mas se der Atlântico, Campo Mourão irá enfrentar o Jaraguá de Santa Catarina.
Marcaram na goleada sobre o  Marreco, Luiz Fernando (foto), Caio, Vini e Thiago Cabeça. 

FELIZ É A NAÇÃO do Senhor


EVANGELHO DO DIA sábado, 7 de setembro 2019


4 de set de 2019

UM BOM EXEMPLO que vem da Havan

Fiquei impressionado com a sacada da Havan em colocar painéis com  fotos da nossa Campo Mourão posicionados  atrás dos caixas e no hall de acesso aos banheiros.
Seguramente, penso que seja um bom exemplo a ser seguido por outras lojas apaixonadas pela nossa Capital do Centro-Oeste do Paraná. 

3 de set de 2019

UMA BONITA HISTÓRIA DA IMIGRAÇÃO ucraniana de Campo Mourão e região em 19 capítulos e 278 páginas

Os 60 anos da comunidade ucraniana em Campo Mourão foram marcados de forma indelével no domingo, 1 de setembro com uma bonita e edificante solenidade nas Igreja da Santíssima Trindade com o prestígio de centenas de pessoas.
A obra "A saga da imigração ucraniana em Campo Mourão e região" demorou 10 anos para ser lançada, mas isso aconteceu no último domingo, para a alegria dos familiares e amigos da professora Maria Meskiw Melniski - no sábado, ela esteve ao lado do padre Mário e do coordenador da comunidade Adilson Stanizewski no programa Tocando de Primeira na Rádio Colméia, na edição 1.320. Na oportunidade ao entrevistá-los com a camisa do Dinamo de Kiev, vi 
a energia, a força, o carinho e a valorização pela cultura e a história de um povo e país que, pelo "cristianismo tirou o Estado da Província insignificante e o colocou entre as nações mais civilizadas." - para saber sobre a história, as tristezas, dificuldades e também alegrias os interessados terão que ler esta bela obra.
O leitor poderá fazer uma viagem pela história da Ucrânia, símbolos e personagens, além de conhecer os ritos mantidos até os dias atuais e a religiosidade do povo ucraniano. 
A imigração no Brasil e a peregrinação por várias regiões e estados, e também na região de Campo Mourão, compreendendo as colonizações em Mamborê, Farol, Araruna, Juranda e em Maringá, junto com diversos acontecimentos estão retratados em vários capítulos do livro.
 A professora e poetisa da Academia Mourãoense de Letras, Cida Freitas, fundadora da cadeira 08,prefaciou a obra, afirmando: "Esta obra será uma importante fonte de pesquisa para àqueles que cultivam o amor à Ucrânia... e que poderão se deixar levar  nas asas do tempo para visitar lugares e conhecer personagens que merecem ser lembrados e honrados"
O bispo Dom Meron Mazur lembra que pela obra "os leitores terão um conhecimento geral sobre o povo ucraniano. A professora Maria fez um lindo trabalho, não teve medo das dificuldades, teve persistência e buscou registrar e deixar escrito esta linda história da Paróquia Santíssima Trindade de Campo Mourão."
Feliz e grata a Deus pelo trabalho e conclusão da obra, a autora realizou com muita determinação em uma trajetória de pesquisa com traduções de textos e crônicas. "Devido a escassez de informações as buscas foram constantes e trouxeram um enorme fascínio pela descoberta. Os obstáculos fizeram crescer a vontade de ficar o mais próximos do passado marcado pelos antecedentes ucranianos. Um povo que preservou suas crenças, rito, idioma, usos e costumes e em especial a sua dignidade e inata religiosidade."

O QUE AS PESSOAS FELIZES deixam de fazer?


A PESSOA BOA TEM luz própria e é mira de gente apagada


A BONDADE E a maldade


A DIFERENÇA ENTRE Re-clamar e Agradecer


EVANGELHO DO DIA terça-feira, 3 de setembro 2019


1 de set de 2019

O SUCESSO DO Festival de Música Católica em CM

Foi realizado sábado, 31, no Teatro Municipal de Campo Mourão a edição 2019 do Festival de Música Cristo é Nosso Show. 
Um evento participações de integrantes dos ministérios de música de paróquias mourãoenses. E também de crianças do projeto de aulas de violão da Associação de Evangelização Cristo é Nosso Show, desenvolvido em bairros carentes da nossa com o professor Valtecler Rodrigues.
oA diferença do Festival deste ano foi a apresentação dos cantores sem concorrer a premiação, haja vista que após cada música aconteceu explicação do padre Wesley.
A imagem de Diego Reis retrata o sucesso do evento.