2 de out de 2018

NICANOR DE SOUZA COELHO, o craque da cadeira 11 da ADL Dourados

O escritor, poeta, professor, jornalista Nicanor de Souza Coelho está ficando mais experiente neste 2 de outubro no ano da graça de 2018 e recebendo muitos cumprimentos da sua vasta legião de amigos. 
E do amigo aqui, deste Blog também, do Centro-Oeste do Paraná. 
Parabéns Nicanor, felicidades com as graças e
bençãos de Deus. Viva! Muita saúde, sabedoria, amigos, prosperidade, fé e amor.
Nicanor é um apaixonado pelo mundo das letras e por seu estado, bem como sua gente. 
É um dos 15 fundadores da Academia Douradense de Letras, fundada em 15 de setembro de 1991, da qual foi seu primeiro presidente da diretoria provisória entre  1991 e 1992. Na primeira diretoria eleita foi vice-presidente na gestão de Brígido Ibanhes.
É fundado da cadeira número 11 desde 27 de março de 1993  e seu patrono é Otávio Gonçalves Gomes

Nicanor, em 1991, o sexto da esquerda para a direita.
Nicanor Coelho é sul-mato-grossense de Fátima do Sul, onde nasceu em 02 de outubro de 1968.
É jornalista e professor de Literatura e Língua Portuguesa, pós-graduado em Docência do Ensino Superior e Educação e Gestão Ambiental. 

 Já foi secretário-geral do Instituto de Meio Ambiente e Desenvolvimento, participa da Academia Douradense de Letras e do Grupo Literário Arandu. Escreveu os  livros Panambi Verá – Tempos Brilhantes; Vida Cachoeirinha; A noite do Camaleão; Os mistérios do Ladrão de Bibliotecas; A Literatura sul-mato-grossense nos cursos de Letras: a necessidade de criação de uma cadeira específica; O
Livro Ocro; Os assassinos da primeira pessoa do singular; Reflexões em torno do cão; Educação Ambiental no Brasil: dos primórdios a Agecold de Mato Grosso do Sul: identidades e memórias; Futuro Hoje: Histórias de realizações dos alunos da FETAC; Simão Babão; Heróis Dourados.
Nicanor, meu amigo, gente de primeira qualidade, um sonhador e um idealizador. Viva!
Nota do Blog: as imagens antigas mostram um pouco do seu pioneirismo e que o tempo passa inexoravelmente. Para todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário