4 de jul de 2017

AS TRÊS BRECHAS que favorecem ação do inimigo

Lançamento e sucesso nas livrarias, "Batalha Espiritual -entre anjos e demônios" é uma nova obra do padre Reginaldo Manzotti, pela Editora Petra.
Um livro para que o cristão leia e reafirme sua confiança absoluta em Deus diante das maldades presentes nos corações de muitas pessoas.
Em um dos capítulos, o padre Manzotti lembra que segundo São Bento são três as brechas que determinam a ação do inimigo, ou do "encardido" como dizia padre Léo. 
Uma delas é a COBIÇA, que "tem sido a causa de perdição de muitas almas e se traduz no desejo desordenado de riqueza e poder." São Bento escolheu como símbolo desta brecha o porco - animal que está sempre direcionado com o focinho para cima e raramente olha para o chão.
A segunda brecha é a VAIDADE, "quando as pessoas são movidas pelo desejo de atrair algum tipo de glória para si. ..... Ela se desdobra em diversos males, como a intriga e a inveja, porque o vaidoso não suporta que o seu semelhante se sobressaia e acaba agindo no sentido de prejudicá-lo." São Bento utiliza como símbolo o pavão - animal associado normalmente ao ideal de perfeição, e o conselho de atitude é a solidariedade.
A terceira e última brecha é o ORGULHO, "... vale quando nos consideramos independente e nos afastamos de Deus, acreditando que não necessitamos de seu auxílio e de sua graça." O símbolo é a águia, e para combatê-la devemos exercitar a humildade. Por orgulho, achamos que podemos voar alto e sozinhos.
Uma boa dica de leitura é esta obra do padre Reginaldo Manzotti. Confiança em Deus é tudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário