3 de jul de 2017

ABRAHAM SHAPIRO: O que os competentes não dizem

É muito difícil definir um profissional competente. Ele não obedece a um padrão.  
Eu não saberia identificar o que os competentes falam como característica ou identidade de sua competência. Mas creio ser perfeitamente possível saber o que eles nunca falam e nem falariam.
Quer saber o que um competente jamais diz? 
– “Do meu jeito é melhor!” Quem diz isso é o individualista.
O acomodado dirá: – “Eu não pensei que era urgente”. 
– “Este problema não é da minha conta!”? Aí está o fulano que não tem espírito de equipe.
E o puxa-saco? Ele diz: – “Eu só faço o que o chefe manda”. 
Desinteressados dirão: – “Não podia adivinhar que era para fazer desse jeito!” 
O interesseiro: – “Eu não ganho nada para fazer isso”. 
Um irresponsável: – “Fale com o responsável, não comigo”. 
– “Eu estou cheio de serviço agora, vamos deixar para outra hora?” – Este é o desorganizado.
Finalmente, o rei dos incompetentes o que diz? – “É melhor não fazer nada disso. Vai dar o maior trabalho!” Quem ele é? O vagabundo.
Ok. Talvez você questione: – “E que é que o RH não observa e detecta isso na hora da seleção?”
É que há algo em que os incompetentes são bastante competentes em fazer. Sabe o que? Eles sabem enganar muito bem. 
- Abraham Shapiro é professor e consultor. Blog Profissão Atitude, e escreve às segundas-feiras no jornal Folha de Londrina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário