10 de ago de 2016

EU E A JMJ 2016 NA CRACÓVIA, por Heitor Souza

"Essa JMJ 2016 na Cracóvia foi tocante para mim, sair do meu comodismo foi bem difícil, dormir naquelas barracas, os banhos frios, foi bem difícil, realmente viver a precariedade, e, porque na precariedade? Porque é ai que você tem o encontro com Deus, e foi aí, tomando banhos frios, dormindo num saco de dormir em um chão duro, andando o dia todo debaixo do sol que eu pude ver a beleza de Cristo, que eu pude ver como Deus é bom para conosco. As igrejas que visitamos, uma mais linda que a outra, em especial a que mais me tocou foi a Capela Sistina, pois lá dentro eu tive uma conversa com Deus de um jeito que eu não consigo descrever. Aquelas pinturas, aquelas paredes, indescritível. Cristo verdadeiramente ressuscitou e habita em nossos corações. Um forte abraço para você e toda sua equipe." Heitor Souza, Foz do Iguaçu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário