28 de jul de 2015

PADRE CHRYSTIAN SHANKAR: OS QUATRO TIPOS DE casais e as estações do ano

Jesus ensina, por meio do Evangelho, que há quatro tipos de casais.Deus quer fazer algo grande no seu casamento, esteja aberto e atento à graça de Deus. Esteja atento àquilo que Deus quer dizer a você.
Quero dividir a minha fala em dois pontos. Primeiramente, o Evangelho e o segundo ponto, as estações do ano. Ouvimos Jesus explicando, no Evangelho de hoje, sobre a parábola do semeador que todos conhecem muito bem. Esta é uma parábola para os casais e Jesus ensina que há quatro tipos de casais.
O primeiro deles é o casal cabeça dura. A pessoa que tem cabeça dura ouve a Palavra, mas ela não entra. A terra batida à beira do caminho simboliza o casal duro de coração que não tem sensibilidade para as coisas de Deus.
Quando experimentamos algo bom, queremos que o outro também experimente. Portanto, uma das coisas difíceis no relacionamento é quando um dos dois é quente e o outro é frio.
O segundo é o casal superficial que tem uma atração pela Palavra, ouve e acolhe com alegria, mas não deixa ela entranhar na sua vida, não permite com que a Palavra crie raiz.
O terceiro tipo é o casal secular que é muito arraigado no mundo e não caminham para o reino dos céus. A semente cai na terra, vai germinando, mas quando chega a hora dela crescer vem a preocupação com o shopping, com a posição social e com tantas outras coisas. Esse tipo de casal tem tempo para tudo, mas não tem tempo para Deus.
Não se reza quando sobra tempo, é preciso reservar tempo para estar na presença de Deus. Casal que reza unido, permanece unido e na presença de Deus. Vocês precisam rezar juntos! Caso contrário vão se tornando um casal cabeça dura, em que um não entende o outro ou se tornarão um casal superficial, que vive de aparências. Sendo ainda pior o casal secular que conversa somente sobre carros, negócios, falam apenas sobre coisas.
Os casais ‘cabeça dura’, ‘superficiais’, ‘seculares’, ouvem a Palavra de Deus, mas não assumem a Palavra.
O quarto é o casal com espiritualidade. A semente é a mesma, mas o terreno é que faz a diferença acolhendo a Palavra e tomando posse daquilo que foi dito. A comunhão com o Espírito Santo fornece sol, umidade e todos os elementos necessários para que a semente germine e cresça dando frutos. Deus espera isso de nós.
Para a semente germinar, crescer e dar frutos é preciso saber em qual estação plantar, esperar e colher. Em Cântico dos Cânticos 2, 11-13 lemos: “Eis que o inverno passou, cessaram e desapareceram as chuvas. Apareceram as flores na nossa terra, voltou o tempo das canções. Em nossas terras já se ouve a voz da rola. A figueira já começa a dar os seus figos, e a vinha em flor exala o seu perfume; levanta-te, minha amada, formosa minha, e vem.”
Primavera, verão, outono e inverno são as estações do ano. Com qual estação você e seu esposo se parecem?
primavera está representada no versículo 12, “Apareceram as flores na nossa terra, voltou o tempo das canções. Em nossas terras já se ouve a voz da rola”. É a estação marcada pelas flores e cântico dos pássaros, dia de sol e muito perfume. Todos os relacionamentos começam com uma primavera romântica que é vivida pelo casal romântico que não perdeu o carinho um pelo outro ou que é vivida pelos recém casados. Primavera é o romantismo e ela sempre volta. Ainda há flores no seu casamento?
Terminando a primavera vem o verão que é marcado pelo calor, pelas chuvas, tempo de férias e temporais inesperados. Os problemas, enfermidades, dívidas, aparecem. No entanto, assim como a chuva que começa e termina, são também as dificuldades. É o tempo de passear, tirar férias, tempo do casal se curtir e manter não somente a relação quente, em termos sexuais, mas quente com a presença do Espírito Santo. Você é um casal quente de Deus?
Depois do verão vem o outono que é o tempo das frutas e tempo em que as folhas caem. O ar torna-se árido e é preciso tomar mais água. Os filhos chegam, que são os frutos.
E a quarta estação é o inverno que pode ser um tempo ruim se seu casamento esfria. Quando, por exemplo, a esposa diz ao marido, “vá dormir na sala!”. Mas, o inverno não é tempo do casal se distanciar, pelo contrário, é tempo de aproximação.
Há muitos casais que buscam filmes pornográficos para esquentarem a relação, transformando a cama conjugal em um leito de perdição. Há casais que não procuram Deus, não procuram a Palavra. Quando o inverno chega é preciso que vocês busquem um ao outro e busquem Deus. E se você não colocar limites no seu casamento, o inverno não passará.
Não sei em qual estação você está, mas Deus quer fazer algo em você, Ele quer fazer algo em seu casamento.
Site Canção Nova. Transcrição e adaptação: Míriam Bernardes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário