12 de jan de 2015

AS DIFICULDADES E A REALIDADE DO Campo Mourão Futsal

O BLOG entrou em contato com Miguel Pedro Abudi Júnior, presidente da Associação Campo Mourão Futsal (ACMF), para saber a realidade do time mourãoense, às vésperas da temporada 2015 da Chave Ouro. 
Miguel Abudi Jr respondeu via face, que a queda no volume de recursos repassados pela Fecam foi um fator que impactou na dificuldade da montagem de um elenco forte para uma boa temporada. 
Ao que tudo indica não está certa e definida a participação do Campo Mourão Futsal na Chave Ouro em 2015. Mas se isto acontecer, ela deverá ser com jogadores da base, ou seja, com remotas chances de contratar jogadores experientes. 
Acompanhe as respostas de Miguel Abudi Jr.
RECURSOS – “A Fecam (Fundação Municipal de
Esportes de Campo Mourão) nos repassava um orçamento anual de R$ 200.000,00 , o que correspondia a uma folha de pagamento de R$ 20.000,00 por mês. Quando a ACMF foi criada a promessa era de que nos apoiariam com este valor mais despesas com transferências e despesas da Federação Paranaense de Futsal. No ano passado, depois que o Ricardo (Ricardo Echelmeier) assumiu a Secretaria de Esportes, o valor caiu para R$  50.000,00 por ano, e todas as despesas,  eu disse todas,  ficaram por conta da ACMF.  Ou seja, de um orçamento repassado pela Fecam de R$ 200.000,00 por ano caímos para R$  50.000,00, e todas as despesas ficaram por conta da ACMF.  Só de inscrição e taxas são aproximadamente R$ 10.000,00 – daí, sobra R$ 40.000,00 para a folha de pagamento, o que corresponde a R$ 4.000,00 por mês. Esse valor não dá para pagar por exemplo, os salários dos jogadores Eduardo e Vinicius.”
APOIO - “Quanto ao apoio da iniciativa privada então, nem vamos comentar, pois salvo algumas pouquíssimas empresas, ninguém ajuda e apoia, pelo contrário, só cobram, como são os casos de torcedores que comentam  nas redes sociais. Essa é a realidade, infelizmente.

FUTURO? “Somos de Campo Mourão, tenho um nome a zelar e não vou contratar para não pagar, como fazem outras equipes. Não desistiremos, estamos batalhando e esperamos  ter novidades boas em breve.

Nenhum comentário:

Postar um comentário