20 de jul de 2014

AS HOMENAGENS têm que ser em vida

AS HOMENAGENS têm que ser em vida. Tenho defendido e manifestado este meu pensamento. O tempo é efêmero e daqui a instantes não sabemos onde e com quem estaremos. Deus é Maior. Por isso penso que devemos com intensidade cada momento e dizer o quanto gostamos, amamos e apreciamos as pessoas.
Assim, nunca mais a nossa Arcam será a mesma após o evento maravilhoso da manhã de sábado, 19 de julho 2014. E será muito melhor, recebendo um número maior de associados e convidados para ver ao vivo e em cores o monumento em homenagem, ao Dr. Aroldo Gallassini - uma homenagem justa e merecida, digna de louvor, aplausos e fortes emoções. Estive com a minha família no início da tarde deste domingo na Arcam para mostrar a eles a beleza e originalidade da obra. Um bom programa de domingo, com certeza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário