30 de jun de 2014

PAPA FRANCISCO: "A fidelidade em Deus, sem cessar, é a fonte da nossa confiança e da nossa paz"

O papa Francisco celebrou ontem (29) a Santa Missa na solenidade dos santos apóstolos Pedro e Paulo, patronos principais de Roma. Na homilia, Francisco destacou que Deus liberta o homem de todo o medo, sendo a confiança em Deus o verdadeiro refúgio.
O Santo Padre recordou as perseguições ocorridas nos primeiros tempos do serviço de Pedro na comunidade cristã de Jerusalém. O apóstolo chegou a ser preso, mas Deus o libertou de todos os medos e de todas as cadeias. A partir desse fato, Francisco citou um problema da atualidade: o problema do medo e dos refúgios pastorais.
“Pergunto-me: Nós, amados Irmãos Bispos, temos medo? De que é que temos medo? E, se o temos, que refúgios procuramos, na nossa vida pastoral, para nos pormos a seguro? Procuramos porventura o apoio daqueles que têm poder neste mundo? Ou deixamo-nos enganar pelo orgulho que procura compensações e agradecimentos, parecendo-nos estar seguros com isso? Amados Irmãos Bispos, onde colocamos a nossa segurança?”
Francisco destacou que o testemunho de Pedro mostra que o verdadeiro refúgio é a confiança em Deus, o que afasta de todo o medo e torna o homem livre de toda escravidão e tentação mundana. Hoje, em especial, o Papa disse que tanto ele quanto os bispos sentem que o exemplo de São Pedro os desafia a verificar sua confiança no Senhor.
“A fidelidade que Deus, sem cessar, nos confirma também a nós, Pastores, independentemente dos nossos méritos, é a fonte de nossa confiança e da nossa paz. A fidelidade do Senhor para conosco mantém sempre aceso em nós o desejo de O servir e de servir os irmãos na caridade”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário