31 de jan de 2013

A IMPRENSA NA Fazenda Experimental Coamo

Na abertura do Encontro de Cooperados na Fazenda Experimental Coamo nesta quinta-feira, o presidente da Coamo José Aroldo Gallassini e o chefe da Fazenda Experimental Joaquim Mariano Costa com os colegas de imprensa Luis Donizeti, Tayenne Carvalho, Marcos de Souza, Valter Veloso, Ari Mendonça e França Neri. E abaixo, Acássio Marcondes e Valter Velozo. Presença marcante da imprensa neste grande evento tecnológico qu e reúne 4 mil cooperados da Coamo.  

NA VANGUARDA: Sustentabilidade é o tema do 25º Encontro de Cooperados na Fazenda Experimental Coamo


Começou nesta quinta-feira (31/01) em Campo Mourão, o tradicional Encontro de Cooperados na Fazenda Experimental Coamo, que está comemorando 25 anos de existência. Na imagem acima, o agrônomo Alfeu Fachin, de Boa Esperança - um dos palestrantes do evento.
O tema principal de 2013 é a sustentabilidade no evento que está sendo realizado até o dia 07 de fevereiro com a previsão de reunir cerca de quatro mil cooperados de todas as regiões da Coamo nos estados do Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul.
O 25º Encontro de Cooperados está focado nas tecnologias agrícolas e nos resultados obtidos com os trabalhos desenvolvidos na Fazenda Experimental. "O nosso objetivo principal durante esses anos todos sempre foi elevar a produtividade e, consequentemente, a renda e qualidade de vida dos cooperados da Coamo", afirma o engenheiro agrônomo Joaquim Mariano Costa, chefe da Fazenda Experimental Coamo.

Joaquim elenca que entre os assuntos a serem apresentados neste ano estão: manejo de pragas em milho com ênfase na tecnologia transgênica Bt, a biologia do capim amargoso e novo herbicida para buva, capim amargoso, controle com pré-emergentes e manejo de rebrote, manejo químico do capim amargoso e buva resistentes, variedades de soja e híbridos de milho e a devolução de embalagens de defensivos agrícolas.
A cada dia cerca de 400 cooperados estarão visitando dez estações especialmente escolhidas e preparadas para apresentar novidades e discutir resultados com os produtores. "É um dia de trabalho, uma oportunidade única para produtores usários das tecnologias trocarem ideias e experiências diretamente com os pesquisadores, criadores das tecnologias", aponta o engenheiro agrônomo José Aroldo Gallassini, presidente da Coamo.
Grande é o interesse dos produtores em conhecer novas tecnologias.

GETULINHO É NOMEADO secretário de Esportes em CM


Agora é oficial, pelas portarias de números 120 e 121, Getúlio Ferrari  Júnior, o "Getulinho" é o novo secretário Especial de Esporte, Recreação e Lazer em Campo Mourão. A partir de 4 de fevereiro de 2013, Getúlio Ferrari Júnior passa a fazer fazer do escalão principal da gestão Regina Dubay, sendo também presidente da Fundação Municipal de Esportes (Fecam,). 
Pelo decreto 5880, de 28 de janeiro de 2013, Regina Dubay criou o Programa Especial de Esporte, Recreação e Lazer, de acordo com a alínea n, inciso I, artigo  123 da Lei Orgânica Municipal, considerando o disposto no artigo 3º da Lei nº 1.252 de 3 de dezembro de 1999, alterado pela Lei nº 1.669, de 30 de dezembro de 2002.


Getulinho estará sábado no primeiro tempo do programa Tocando de Primeira, 1.008, na Rádio Colméia AM, na sua primeira entrevista oficial no programa campeão do rádio mourãoense.


ORAÇÃO A DOM BOSCO


HOJE É DIA DE DOM BOSCO

Nasceu perto de Turim, na Itália, em 1815. Muito cedo conheceu o que significava a palavra sofrimento, pois perdeu o pai tendo apenas dois anos. Sofreu incompreensões por causa de um irmão muito violento que teve. Dom Bosco quis ser sacerdote, mas sua mãe o alertava: "Se você quer ser padre para ser rico, eu não vou visitá-lo, porque nasci na pobreza e quero morrer nela".Logo, Dom Bosco foi crescendo diante do testemunho de sua mãe Margarida, uma mulher de oração e discernimento. Ele teve que sair muito cedo de casa, mas aquele seu desejo de ser padre o acompanhou. Com 26 anos de idade, ele recebeu a graça da ordenação sacerdotal. Um homem carismático, Dom Bosco sofreu. Desde cedo, ele foi visitado por sonhos proféticos que só vieram a se realizar ao longo dos anos. Um homem sensível, de caridade com os jovens, se fez tudo para todos. Dom Bosco foi ao encontro da necessidade e da realidade daqueles jovens que não tinham onde viver, necessitavam de uma nova evangelização, de acolhimento. Um sacerdote corajoso, mas muito incompreendido. Foi chamado de louco por muitos devido à sua ousadia e à sua docilidade ao Divino Espírito Santo. 
Dom Bosco difundiu amplamente os chamados "Oratórios". Catequeses e orientações profissionais foram surgindo para os jovens a partir de então. Enfim, Dom Bosco era um homem voltado para o céu e, por isso, enraizado com o sofrimento humano, especialmente, dos jovens. Grande devoto da Santíssima Virgem Auxiliadora, foi um homem de trabalho e oração. Exemplo para os jovens, foi pai e mestre, como encontramos citado na liturgia de hoje. São João Bosco foi modelo, mas também soube observar tantos outros exemplos. Fundou a Congregação dos Salesianos dedicada à proteção de São Francisco de Sales, que foi o santo da mansidão. Isso que Dom Bosco foi também para aqueles jovens e para muitos, inclusive aqueles que não o compreendiam.
Para a Canção Nova, para a Igreja e para todos nós, é um grande intercessor, porque viveu a intimidade com Nosso Senhor. Homem orante, de um trabalho santificado, em tudo viveu a inspiração de Deus. Deixou uma grande família, um grande exemplo de como viver na graça, fiel a Nosso Senhor Jesus Cristo.
Em 31 de janeiro de 1888, tendo se desgastado por amor a Deus e pela salvação das almas, ele partiu. Mas está conosco no seu testemunho e na sua intercessão.
São João Bosco, rogai por nós!

EVANGELHO DO DIA 31 de janeiro de 2013

Evangelho do Dia 31/01/13
Marcos 4- 21, 15
Naquele tempo, Jesus disse à multidão: 21“Quem é que traz uma lâmpada para colocá-la debaixo de um caixote, ou debaixo da cama? Ao contrário, não a põe num candeeiro?22Assim, tudo o que está escondido deverá tornar-se manifesto, e tudo o que está em segredo deverá ser descoberto. 23Se alguém tem ouvidos para ouvir, ouça”. 24Jesus dizia ainda: “Prestai atenção no que ouvis: com a mesma medida com que medirdes, também vós sereis medidos; e vos será dado ainda mais. 25Ao que tem alguma coisa, será dado ainda mais; do que não tem, será tirado até mesmo o que ele tem”. Palavra da Salvação. Glória a Vós Senhor.

30 de jan de 2013

SAUDADES: homenageados com o troféu Tocando de Primeira 2000

Homenageados com o troféu Tocando de Primeira 2000 no Teatro Municipal em Campo Mourão. Viva a saudade e o reconhecimento em vida a quem fez e faz. Sérgio Ueda, Ben Hur Berbet, Valter Babata, Jair Grasso, Richard Salvador, Edson Batilani, Rosemeire Vargas, Paulinho Costa, Itamar Tagliari, Nelson de Souza, Edson Hirata, o "China", Jair Lençone, José Luiz da Silva, Coelho" , Robson Nascimento, Ilivaldo Duarte e Wilson Bibiano.

SAUDADES do timaço do Sport Club Campo Mourão

Quem viu, viu, quem não viu jamais verá um time forte e organizado como o do Sport Club Campo Mourão no final da década de 80. Manoel Martins, Ariomar, Vanderlei, Alcântara, Luiz Carlos, Cícero, Benê e Cia. Simplesmente, um timaço. E quem viu jamais esquecerá. E viva a saudade!

SAUDADES DO TROFÉU TOCANDO DE PRIMEIRA 2000

Na noite memorável de 8 de dezembro em 2000, promovemos o "Oscar do Esporte" homenageando esportistas que se destacaram na temporada e receberam o troféu Tocando de Primeira. 
Uma festa que, com apoio de muitos, entrou para a história do esporte e dos eventos da cidade. 
No Dia da Saudade, vale o registro com algumas imagens e o agradecimento a todos que colaboraram para o sucesso e o reconhecimento em vida, em pleno Teatro Municipal. Direto do túnel do tempo.
Getulinho Ferrari e a atleta Rosemeire Vargas da Silva, do atletismo
Professor Idevalci Maia e o atleta Jonas Rodrigues, o destaque do handebol em 2000, recebendo o troféu Tocando de Primeira, no Teatro Municipal em CM. A festa do Oscar do esporte. Viva a saudade.
Duas celebridades mourãoenses: éticos, íntegros, dignos e exemplos. Dr. Renato Fernandes Silva e empresário Delordes Daleffe, na festa do Tocando de Primeira 2000. Validando o Dia da Sauidade. Viva!
Homenagem aos mourãoenses campeões do JAP`s 1975 em Paranavaí, comemorando o jubileu de prata da conquista: a primeira de Campo Mourão em competições oficiais no Paraná.

HOJE É DIA DA SAUDADE!


Hoje, 30 de janeiro é o Dia da Saudade, essa palavra existe apenas na língua portuguesa e galega e serve para definir o sentimento de falta de alguém ou de algum lugar.
De origem latina, saudade é uma transformação da palavra solidão, que na língua escreve-se “solitatem”. Com o passar dos anos, assim como outras palavras se transformam de acordo com as variações da pronúncia, solitatem passou a ser solidade, depois soldade e, finalmente, saudade.
Podemos considerar que no dia da saudade as pessoas se dedicam às lembranças de seus entes queridos que estão ausentes, de fatos que viveram ou de lugares e objetos que marcaram suas vidas. Isso faz com que a palavra saudade se torne melancólica, trazendo certo sofrimento.
Saudade é também definida como “a sensação de incompletude, ligada à privação de pessoas, lugares, experiências, prazeres já vividos e vistos, que ainda são um bem desejável”, segundo o dicionário Veja Larousse.
Em outras línguas não existe uma palavra capaz de traduzir o significado amplo de saudade, mas algumas delas trazem conceitos próximos, mas não tão nobres. Em inglês, saudade é “I miss you” que quer dizer sinto sua falta; em Francês “souvenir”, que significa lembrança; em italiano “ricordo affetuoso”, recordação afetuosa; em espanhol “recuerdo ou te extraño mucho, que significam lembrança e sinto falta, respectivamente.
Ao longo da história podemos perceber a saudade nas músicas e nos poemas, desde longos anos. Charlie Chaplin diz: “Sorri quando a dor te torturar
e a saudade atormentar os teus dias tristonhos vazios”; Luis Fernando Veríssimo determina que “não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar”; Vinícius de Moraes e Tom Jobim cantaram a saudade dizendo: “Chega de saudade, a realidade é que sem ela não há paz, não há beleza é só tristeza e a melancolia que não sai de mim, não sai de mim, não sai”.
Os sertanejos também retratam muito a saudade, pois deixam o campo para trabalhar na cidade. Chitãozinho e Xororó falaram da saudade retratando que “por nossa senhora, meu sertão querido, vivo arrependido por ter deixado. Esta nova vida aqui na cidade, de tanta saudade, eu tenho chorado”.
E o rock não podia deixar de se manifestar sobre o tão nobre sentimento. Raul Seixas registrou sua expressão na letra que diz “hoje é feriado, é o dia da saudade, hoje não tem aula pra garotada, velhas de varizes na calçada, só na saudade”.
Por Jussara de Barros - Equipe Brasil Escola

COLUNA DE ABRAHAM SHAPIRO: Liderança não se aprende em cursinho


Na década de 1980, surgiu a moda da palestra de motivação. As empresas gastaram fortunas nisso. Certo dia ensolarado, a verdade se revelou. Palestra de motivação traz tanto resultado para empresas quanto limonada para a cura do tétano. Mas do que adiantava se arrepender? As grandes companhias apagaram a prática de seus planejamentos, e hipocritamente fizeram de conta jamais terem pensado assim. Mas as médias e pequenas seguiram o caminho aberto.
Hoje, as antigas palestras de motivação deram lugar aos cursos relâmpagos de liderança.
Vira e mexe vêem-se uns e outros anunciando a mágica de formar líderes a troco de um bom dinheiro. Os apelos são tentadores. É como “dar milho para bode” já que qualquer funcionário mantém a ilusão de tornar-se líder aos moldes do que veem nas produções de Hollywood  e nas revistas de negócios.
Se você conhece alguém que tenha se tornado líder apenas por participar de cursos, consiga um pouco de seu sangue, pois ele contém o DNA de um indivíduo realmente especial.
Há “cursos” e “cursos” de liderança. Várias instituições respeitáveis promovem programas ministrados por professores experientes que orientam sobre dificuldades profissionais da carreira e estratégias de superação. Isto é a base do desenvolvimento de líderes.
Liderança é dia a dia. É aprendizado contínuo, sem começo, nem fim. Um líder autêntico está em formação e desenvolvimento até sua morte.
O melhor curso de liderança está aí onde você trabalha, onde você vive, nos seus relacionamentos, nos livros que você comprou e nunca leu... ou nos que você nunca adquiriu e devia.
Liderança se aprende e se vive a cada atitude ou gesto, na consideração que se tem pelo chefe ou subordinado – não há diferença. Liderança se abstrai do tratamento ao cliente – seja ele quem for.
Liderança vem de se lutar pela realização do propósito da vida, da filosofia, da religião, dos princípios e valores, mas acima de tudo, de se ter olhos e ouvidos sensíveis. Ela está nas situações mínimas e máximas, e no modo de se lidar com elas. Está nas decisões que se tomam, e nos destinos que se julgam correto adotar.
Palestrante nenhum, venha de onde vier, tem o poder de fazer de você um líder. Só você mesmo.
O ponto auge desta questão é fabulosamente simples. Nem todos poderão ser líderes sobre outros. Muitos jamais conseguirão isto. No entanto, resta uma grande esperança: a de liderar sobre si próprio. E, de fato, esta é a mais profunda e maravilhosa essência do que significa ser líder.
______________________ 
Abraham Shapiro é consultor e coach de líderes. Sua filosofia de trabalho, em uma só palavra, é simplicidade. É autor do livro "Torta de Chocolate não Mata a Fome - Inspirações para a Vida, o Trabalho e os Relacionamentos", Editora nVersos, 2012. Contatos: shapiro@shapiro.com.br ou (43) 8814 1473

LUZIA SANTIAGO: O novo é sempre novo


Hoje, é um novo dia e tudo deve ser vivido de maneira nova. É tempo de buscarmos as novidades de Deus na nossa vida. Eu louvo ao Senhor, de coração, porque a Canção Nova foi suscitada por Ele para trazer o novo, porque n’Ele tudo se renova, tudo cresce e prospera, pois o Espírito Santo faz novas todas as coisas. Não dá para pensarmos hoje como pensávamos ontem ou há duas semanas; cada momento é um novo tempo e diante de cada situação devemos dar novas respostas. Enchamos, hoje, o nosso coração de um profundo louvor a Deus e de gratidão, porque n’Ele tudo se faz novo e ganha um novo sentido.
“Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, seu louvor estará sempre em minha boca” (Sl 33). Jesus, eu confio em Vós!

EVANGELHO DO DIA quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Evangelho do dia 30/01/2013
Marcos 4, 1-20
Naquele tempo, 1Jesus começou a ensinar de novo às margens do mar da Galileia. Uma multidão muito grande se reuniu em volta dele, de modo que Jesus entrou numa barca e se sentou, enquanto a multidão permanecia junto às margens, na praia. 
2Jesus ensinava-lhes muitas coisas em parábolas. E, em seu ensinamento, dizia-lhes:3“Escu­tai! O semeador saiu a semear. 4Enquanto semeava, uma parte da semente caiu à beira do caminho; vieram os pássaros e a comeram. 5Outra parte caiu em terreno pedregoso, onde não havia muita terra; brotou logo, porque a terra não era profunda, 6mas, quando saiu o sol, ela foi queimada; e, como não tinha raiz, secou. 7Outra parte caiu no meio dos espinhos; os espinhos cresceram, a sufocaram, e ela não deu fruto.
8Outra parte caiu em terra boa e deu fruto, que foi crescendo e aumentando, chegando a render trinta, sessenta e até cem por um”. 9E Jesus dizia: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça”. 10Quando ficou sozinho, os que estavam com ele, junto com os Doze, perguntaram sobre as parábolas. 11Jesus lhes disse: “A vós, foi dado o mistério do Reino de Deus; para os que estão fora, tudo acontece em parábolas, 12para que olhem mas não enxerguem, escutem mas não compreendam, para que não se convertam e não sejam perdoados”. 
13E lhes disse: “Vós não com­preendeis esta parábola? Então, como compreendereis todas as outras parábolas? 14O semeador semeia a Palavra. 15Os que estão na beira do caminho são aqueles nos quais a Palavra foi semeada; logo que a escutam, chega Satanás e tira a Palavra que neles foi semeada. 16Do mesmo modo, os que receberam a semente em terreno pedregoso, são aqueles que ouvem a Palavra e logo a recebem com alegria, 17mas não têm raiz em si mesmos, são inconstantes; quando chega uma tribulação ou perseguição, por causa da Palavra, logo desistem.
18Outros recebem a semente entre os espinhos: são aqueles que ouvem a Palavra;19mas quando surgem as preocupações do mundo, a ilusão da riqueza e todos os outros desejos, sufocam a Palavra, e ela não produz fruto. 20Por fim, aqueles que recebem a semente em terreno bom são os que ouvem a Palavra, a recebem e dão fruto; um dá trinta, outro sessenta e outro cem por um.” Palavra da Salvação. Glória a vós Senhor.

A ÚNICA COISA DE VALOR...


29 de jan de 2013

MISSA DE POSSE DO padre Ricardo Arica Ferreira será nesta quinta (31) na Paróquia São Francisco de Assis em CM

Será nesta quinta-feira (31) às 19h30, a missa de posse do padre Ricardo Arica Ferreira na sua nova paróquia, na igreja São Francisco de Assis, em Campo Mourão. Padre Ricardo substitui o padre Edinaldo Veloso que o substituirá o padre Ricardo na paróquia Nossa Senhora da Fátima, em Quarto Centenário. Nas paixões fubebolísticas, na paróquia São Francisco de Assis sai um padre palmeirense e entra a partir desta quinta-feira um padre corintiano. Votos de um ministério de muitas graças e evangelização aos amigos padres Edinaldo e Ricardo em seu ministério. E viva a igreja católica!

REVELAÇÃO: Paulinho Zagoto foi descoberto pelo professor Márcio em 1994 na AEACM

O pivô e atacante Paulinho Zagoto foi descoberto em uma competição na Associação dos Engenheiros Agrônomos em Campo Mourão pelo hoje professor Márcio Rinaldo no ano de 1994.  A revelação aconteceu no sábado 26, no programa Tocando de Primeira 1.007 na Rádio Colméia. Foi a primeira vez que o técnico Márcio disse publicamente da descoberta do Paulinho - na imagem ao lado deste jornalista e do Màrcio Rinaldo- na quadra de futsal. Garimpeiro heim, Márcio! E descobrindo logo aquele que faria muitos gols em sua vida de atleta e seria chamado de "Xodó da galera"? 
Histórias do nosso esporte, ao vivo e em cores.
Viva as descobertas e o novo futsal!

TÉCNICO MÁRCIO RINALDO acredita em ano positivo e elogia contratações na temporada 2013 para futsal mourãoense

A temporada 2013 para o Campo Mourão Futsal deverá ser diferente e positiva, bem diferente da campanha heróica do ano passado. Este é o pensamento do jovem treinador mourãoense, o professor Márcio Aparecido Rinaldo, que foi o primeiro técnico de modalidade coletiva em Campo Mourão a ser entrevistado por este jornalista no programa Tocando de Primeira neste novo ano. 
No sábado, 26,  Márcio -na foto ao lado dos esportistas Luizinho Kurta e Claudinho Teles Lima com a camisa do Tocando 1.000 - esteve na Rádio Colméia no programa de número 1.007 e disse da sua satisfação com o trabalho novo e primeiros reforços. "Com o trabalho da diretoria do Campo Mourão Futsal e dos patrocínios que estamos recebendo, e aceitação dos torcedores, pensamos em acertar mais e ter um time mais experiente e competitivo. Esperamos um ano bem melhor do que 2012, quando vivemos muitas dificuldades, saimos do rebaixamento, mas por pouco não caímos. O ano de 2013 será bem diferente e iremos trabalhar firmes para isso."
Contratados pela ACMF até o momento: goleiros Ari, Fabiano e Raulzinho; os alas canhotos Eduardinho, Batata; os destros Piliu, Jonatas e Pulga; os fixos Léo e Alessandro "Maringá"; os pivôs Sadi e Betinho. Mas, outros estão sendo contactados e brevemente a diretoria anunciará novos reforços.

CAPELA DE ADORAÇÃO PERPÉTUA EM CM

Não há quem não sinta ou não seja transformado pelo poder de Deus quando participa de celebrações ou reza, faz sua adoração na Capela de Adoração Perpétua Santa Paula Elizabeth, em Campo Mourão, na saída para Cascavel.  Um lugar de muita calma e paz, lugar de agradecer e receber graças e bençãos de Deus. Viva a oração. Viva Jesus!

NO YÁZIGI, em ritmo de colônia de férias

Dezenas de crianças estão se divertindo esta semana na tradicional Colônia de Férias do Yázigi. Na imagem, as professoras Ilana e Jacquelini com sete anjinhos mostrando grande simpatia e felicidade. Um momento feliz que antecede a volta das aulas no Yázigi, que forma cidadão para o mundo. Viva!

CAMPO MOURÃO FUTSAL: Lojas LM será patrocinador Master na temporada 2013


Visando boa temporada no futsal deste ano,  Associação Campo Mourão Futsal (ACMF) anuncia a parceria com as Lojas LM, que passa a sar inclusive nome a equipe (Lojas LM/Campo Mourão/Fecam). 
Além da Fundação de Esportes (Fecam) e do Município de Campo Mourão a diretoria da ACMF fechou parceria com as Lojas LM - empresa do ramo de confecções e calçados que possui lojas em Campo Mourão (Centro-Oeste) e Toledo (Oeste do Paraná). O objetivo com a parceria é a sustentação financeira ao projeto de reestruturação e organização do futsal mourãoense no âmbito estadual.
Pelo acordo com a ACMF, além da associação ao nome da equipe, a marca das Lojas LM será estampada ainda nos uniformes de jogo, passeio, viagens e das categorias de base do clube, além do ginásio de esportes.
"Estamos contentes com o andamento das negociações. O empresariado mourãoense e região acredita no nosso futsal e no trabalho da ACMF", destaca o presidente Miguel Pedro Abudi Junior, lembrando ainda que vários contratos já foram fechados e outros devem ser concretizados brevemente.
Na imagem acima, Ricardo Echelmeier, diretor geral da Fecam, Miguel Pedro Abudi, presidente da ACMF; os administradores Elenir e Júlio, das Lojas LM de Campo Mourão e Lucimar Querobim, supervisor das Lojas LM.

EVANGELHO DO DIA Terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Evangelho do Dia Mc, 3, 31-35
Terça-feira, 29 de janeiro de 2013
Naquele tempo, 31chegaram a mãe de Jesus e seus irmãos. Eles ficaram do lado de fora e mandaram chamá-lo32Havia uma multidão sentada ao redor dele. Então lhe disseram: “Tua mãe e teus irmãos estão lá fora à tua procura”.
33Ele respondeu: “Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?” 34E olhando para os que estavam sentados ao seu redor, disse: “Aqui estão minha mãe e meus irmãos.35Quem faz a vontade de Deus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe”.  Palavra da Salvação. Glória a vós Senhor.

28 de jan de 2013

COLUNA DO PROFESSOR MACIEL: Só a (Ha) Sônia


Avião sem asa,
Fogueira sem brasa,
Sou eu assim, sem você
Futebol sem bola,
Piu-Piu sem Frajola,
Sou eu assim, sem você...
Fogueira sem brasa
(...).
Porque é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero a todo instante
Nem mil auto-falantes
Vão poder falar por mim...
Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas prá poder te ver,
Mas o relógio tá de mal comigo...
(...)
Existem pessoas indissociáveis de outras e dos fatos. Elas proporcionam sentidos mútuos de entrelaçamento que só é possível distinguir e não separá-las. A curitibana de nascimento e mourãoense por afeto há mais de três décadas, Sônia Sekscinski compunha uma tríade cristalina com o jornalista Aroldo Tissot e com o Jornal Gazeta do Centro Oeste. Essa trilogia inseparável é mais que a trajetória de um casal e do tempo de um jornal, ela faz parte de uma rica história dos meios de comunicação da nossa região, digna de registro, ainda que extremo nesse momento indizível no derradeiro adeus a ela, ocorrido na última segunda-feira, dia 21.
“A Sônia da Gazetinha”, “A Sônia do Aroldo”, expressões populares que também foram empregadas em face da repercussão da morte dela. A canção de Claudinho e Buchecha intitulada Fico Assim Sem você, alguns versos que abrem o texto desta Coluna, se tornam oportunamente emblemáticos e alusivos ao preito. Sônia, Aroldo e Gazeta do Centro-Oeste – não necessariamente nesta ordem – refletem a canção, que, noutro trecho menciona “Romeu sem Julieta/Sou eu assim, sem você/Carro sem estrada,/Queijo sem goiabada, (...).
Antes de conhecer Tissot e com ele se enlaçar, Sônia não fazia ideia como funcionava um Jornal, a rotina de uma redação. Há 30 anos ao fundarem a Gazeta do Centro-Oeste Sônia passara a ser a companheira fiel e lutadora como quem “cai na água e apreende a nadar”, ela passou a assinar a coluna social, desenvolvendo paralelamente relações públicas que foram decisivas para viabilizar o Jornal. Os tempos, muitos dos quais difíceis, encontraram na Sônia mulher determinada capaz de ser maior do que as adversidades. Tanto é assim que é conhecido o episódio da agressão covarde e criminosa que eles foram vítimas, custou a ela a perda da visão de um olho. Poderiam ter sucumbidos, mas não, sem soçobrarem, sacudiram a poeira e deram a volta por cima.
Nas páginas do jornal, graças à Coluna social, a Sônia sempre foi para comigo muito generosa, publicando acontecimentos sociais que me fiz presente, sem esquecer-se do meu aniversário, sempre carinhosamente lembrado. Numa dessas ocasiões, por causa da solenidade da Academia Mourãoense de Letras eu fiz uso da palavra. Ela fotografou aquele encontro e registrou: “Maciel, um dos mais brilhantes oradores...”. Como das outras vezes, liguei para agradecer a gentileza e dizer que ela tinha mesmo exagerado naquele registro.
O que mais dizer? O sorriso aberto, os olhos vivazes fazem do luto a dor insuperável. Porém, permite à advertência, a vida tem que prosseguir, mesmo que não seja da igual maneira. Cabe citar o poema de Cora Coralina:                  
 “O tempo muito nos ensinou.
Ensinou a amar a vida,
Não desistir da luta,
Recomeçar na derrota,
Renunciar as palavras e pensamentos negativos,
Enfim, acreditar nos valores humanos.
Ser otimista!!!”“.
Fases de Fazer Frases
O pensar só é livre quando o pensamento liberta o ser que pensa.
Olhos, Vistos do Cotidiano
Não se pode afirmar que o governador Beto Richa realizou uma reforma no secretariado, quando muito ele fez mudanças de nomes e de posições. A experiência de ter bem administrado Curitiba não é simplesmente a mesma coisa do que governar o Paraná.
Reminiscências em Preto e Branco
Olhar o passado com as vistas cansadas é tão desafiador quanto vislumbrar o futuro com o sentimento idealista esmorecido. Mas é preciso viver e não apenas sentir o tempo.
José Eugênio Maciel é professor, advogado, sociólogo e membro da Academia Mourãoense de Letras. Imagem: Cidinha Coletty.

PADRE EDINAUDO, o "Gente boa" deixa paróquia São Francisco de Assis em CM e vai para Quarto Centenário

O padre Edinaldo Velozo da Silva, palmeirense e mais   conhecido como “gente boa”, deixa a paróquia São Francisco de Assis em Campo Mourão após seis anos de serviço e dedicação à comunidade dos jardins Lourdes, Laura, Country Clube, Flórida, Vila Teixeira e jardim Gutierrez. Ele vai assumir a paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Quarto Centenário, no dia 3 de fevereiro, na missa das 9 horas da manhã. 
A história de vida do padre se confunde com a sua  ordenação. Aos 36 anos, natural de Janiópolis, filho de baianos, palmeirense de coração, extrovertido, brincalhão, mas muito sério quando necessário. Ficou conhecido por se dirigir a todos como ‘gente boa’.

Ele explica o motivo da expressão: “Eu aprendi a chamar as pessoas assim, pois tenho em mente que mesmo as pessoas tendo um defeito, todas as são boas. Nós fomos criados para o bem”, disse ele. Padre  Ednaldo é amante do sacerdócio, gosta de trabalhar e lembra que após concluir seus estudos e a faculdade de Teologia em Londrina, teve a honra de ser ordenado padre pelo bispo Dom Mauro Aparecido dos Santos. “Foi no dia 11 de fevereiro de 2006, em Janiopolis”, recorda. Na paróquia São Francisco de Assis, ele estás desde o dia 2 de maio de 2006.                                                                                                                                     Edinaldo observa que a maioria das pessoas tem uma visão errada do padre, por pensarem que vida de padre é só rezar missa.  “Esse é o primeiro oficio do padre, em oferecer a santa missa, mas nós trabalhamos muito mais. Um exemplo positivo foi o trabalho de evangelização, também nas comunidades rurais e a organização das pastorais com os leigos”, explica.                                                                                                                                                    Na paróquia de Campo Mourão, padre Ednaldo conta que deu continuidade às ações do padre então Roberto. Entre as atividades, ele destaca as reformas das casas das pessoas menos favorecidas e carentes, a modernização da igreja, assim como as melhorias no salão paroquial. “O nosso trabalho aqui é marcado pelo lado social, em conjunto com os Vicentinos ajudando na alimentação das pessoas carentes”, explica.                                                                                                                                           Sobre a expectativa da nova missão em Quarto Centenário, padre Edinaldo afirmou que sai de Campo Mourão com o coração partido e ciente de que vai encontrar uma realidade bem diferente. “Por mais que seja uma só igreja, são novos desafios e pastorais e evangelizações. Estou me entregando nas mãos de Deus com o coração aberto ao trabalho com muita tranquilidade.”   
 Fonte: site itribuna.com.br e imagens face da Paróquia São Francisco de Assis, do Jardim Country

PROFESSOR FELIPE AQUINO: Cuidado com as caricaturas do amor que podem não fazer a felicidade do casal

Quando você disser a alguém 'eu te amo', esteja certo de que você não quer a sua própria satisfação ou felicidade, mas a do outro. Cuidado com as 'caricaturas' do amor porque são falsas, e não podem fazer a felicidade do casal. 
Todo jovem tem sede de amar, mas muitas vezes o seu amor é mascarado e se apresenta falso e perigoso. Amar não é apoderar-se do outro para satisfazer-se; é o contrário, é dar-se ao outro para completá-lo. E para isto é preciso que você se renuncie, se esqueça. Ou você corre o risco de, insatisfeito, querer apaixonadamente agarrar aquilo que lhe falta; e isto não é amar.
Você só começará a compreender o que é amar, quando a sua vontade de fazer o bem ao outro for maior do que a sua necessidade de tomá-lo só para si, para satisfazer-se. 

Do face do professor Felipe Aquino.

ORAÇÃO DE SÃO TOMAS de Aquino





Oração de São Tomás de Aquino (1225-1274)
Criador inefável,
Tu que és a fonte verdadeira da luz e da ciência,
derrama sobre as trevas da minha inteligência um raio da tua claridade.
Dá-me inteligência para compreender,
memória para reter,
facilidade para aprender,
subtileza para interpretar,
e graça abundante para falar.

Meu Deus, semeia em mim a semente da tua bondade.
Faz-me pobre sem ser miserável,
humilde sem fingimento,
alegre sem superficialidade,
sincero sem hipocrisia;
que faça o bem sem presunção,
que corrija o próximo sem arrogância,
que admita a sua correcção sem soberba,
que a minha palavra e a minha vida sejam coerentes.

Concede-me, Verdade das verdades,
inteligência para conhecer-te,
diligência para te procurar,
sabedoria para te encontrar,
uma boa conduta para te agradar,
confiança para esperar em ti,
constância para fazer a tua vontade.

Orienta, meu Deus, a minha vida,
concede-me saber o que tu me pedes
e ajuda-me a realizá-lo
para o meu próprio bem
e de todos os meus irmãos.
Ámen.

SANTO TOMAS DE AQUINO e a humildade


SANTO TOMÁS DE AQUINO, Doutor da Igreja


A IGREJA COMEMORA SANTO TOMÁS DE AQUINO

Neste dia lembramos uma das maiores figuras da teologia católica: Santo Tomás de Aquino. Conta-se que, quando criança, com cinco anos, Tomás, ao ouvir os monges cantando louvores a Deus, cheio de admiração perguntou: "Quem é Deus?". 
A vida de santidade de Santo Tomás foi caracterizada pelo esforço em responder, inspiradamente para si, para os gentios e a todos sobre os Mistérios de Deus. Nasceu em 1225 numa nobre família, a qual lhe proporcionou ótima formação, porém, visando a honra e a riqueza do inteligente jovem, e não a Ordem Dominicana, que pobre e mendicante atraia o coração de Aquino. 
Diante da oposição familiar, principalmente da mãe condessa, Tomás chegou a viajar às escondidas para Roma com dezenove anos, para um mosteiro dominicano. No entanto, ao ser enviado a Paris, foi preso pelos irmãos servidores do Império. Levado ao lar paterno, ficou, ordenado pela mãe, um tempo detido. Tudo isto com a finalidade de fazê-lo desistir da vocação, mas nada adiantou. 
Livre e obediente à voz do Senhor, prosseguiu nos estudos sendo discípulo do mestre Alberto Magno. A vida de Santo Tomás de Aquino foi tomada por uma forte espiritualidade eucarística, na arte de pesquisar, elaborar, aprender e ensinar pela Filosofia e Teologia os Mistérios do Amor de Deus. 
Pregador oficial, professor e consultor da Ordem, Santo Tomás escreveu, dentre tantas obras, a Suma Teológica e a Suma contra os gentios. Chamado "Doutor Angélico", Tomás faleceu em 1274, deixando para a Igreja o testemunho e, praticamente, a síntese do pensamento católico. 
Santo Tomás de Aquino, rogai por nós!

EVANGELHO DO DIA Segunda-feira, 28 de janeiro 2013 -

EVANGELHO 
Segunda-feira, 28 de janeiro 2013 - Marcos 3, 22-30
Naquele tempo, 22os mestres da Lei, que tinham vindo de Jerusalém, diziam que ele estava possuído por Beelzebul, e que pelo príncipe dos demônios ele expulsava os demônios. 
23Então Jesus os chamou e falou-lhes em parábolas: “Como é que Satanás pode expulsar a Satanás? 24Se um reino se divide contra si mesmo ele não poderá manter-se.25Se uma família se divide contra si mesma, não poderá manter-se. 26Assim, se Satanás se levanta contra si mesmo e se divide, não poderá sobreviver, mas será destruído.27Ninguém pode entrar na casa de um homem forte para roubar seus bens, sem antes o amarrar. Só depois poderá saquear sua casa. 
28Em verdade vos digo: tudo será perdoado aos homens, tanto os pecados, como qualquer blasfêmia que tiverem dito. 29Mas quem blasfemar contra o Espírito Santo, nunca será perdoado, mas será culpado de um pecado eterno”. 30Jesus falou isso, porque diziam: “Ele está possuído por um espírito mau”.  Palavra da Salvação. Glória a Vós Senhor!

27 de jan de 2013

BRUNORO: O Palmeiras é grande por natureza


O diretor executivo do Palmeiras, José Carlos Brunoro, compareceu ao Pacaembu, neste domingo, para acompanhar a partida contra o Penapolense, pela terceira rodada do Campeonato Paulista, e ressaltou a importância que a torcida terá na reestruturação do clube. - O Palmeiras é grande por natureza, não tem esse papo de voltar a ser grande. É voltar às vitorias, disputar com condições de vencer todos as competições. Retorno pensando no clube e peço que o torcedor retorne também. Precisamos do apoio deles. Esqueçam o passado. O futuro é hoje. A queda (à Série B do Brasileirão, no ano passado) já passou. Agora é pensar para frente - disse o diretor.
Brunoro garantiu que contratações serão feitas, pois o elenco é reduzidfo. Serão disputados o Campeonato Paulista, a Taça Libertadores, a Série B e a Copa do Brasil. De olho na maratona, Brunoro ressalta que, em um primeiro momento, vai priorizar o retorno técnico nas próximas negociações e pensará em contratações que possam dar lucro ao clube somente quando a situação estiver melhor.
- Preciso do atleta que dê retorno técnico. Não estou preocupado com o retorno financeiro neste momento. Temos de contratar para o ano inteiro e não pensando apenas no Paulistão ou na Taça Libertadores. Brunoro ainda prometeu que empresários de jogadores não serão beneficiados durante a sua gestão. - A situação dos empresários existe dentro do futebol. Em alguns casos, não dá para fugir, mas vamos priorizar o clube. Se tiver de priorizar o lado do empresário, a negociação não vai acontecer. Globo Esporte

FASE QUE NÃO TERMINA: Palmeiras perde de virada no Pacaembu para o Penapolense, caçula do Paulistão 2013


A vitória por 3 a 1 sobre o Oeste, quarta-feira passada, em São José Rio Preto, parece não ter passado de um lampejo do Palmeiras. Neste domingo, contra o Penapolense, um dos caçulas do Paulistão, os velhos problemas do Alviverde apareceram: nervosismo, falta de coordenação, chances desperdiçadas, parte da torcida jogando contra com xingamentos... Resultado: derrota por 3 a 2, no Pacaembu, e a volta de velhos fantasmas que tanto assombraram o Verdão no ano passado.
Pelo lado do adversário, muita emoção. A equipe disputa a Primeira Divisão estadual pela primeira vez, e alguns jogadores chegaram a chorar ao fim da partida. Com o resultado, o Verdão permanece com quatro pontos, na nona posição. Já o Penapolense, com seis, está em quarto lugar.
Na próxima rodada, o Palmeiras recebe o São Bernardo, quinta-feira, às 19h30m (de Brasília), no Pacaembu. Já o time de Penápolis, na quarta, às 19h30m, enfrenta o XV de Piracicaba, em Penápolis. Globo Esporte

MARIA LAURA BENASSI comemoração aprovação em Direito na UEL

A CELEBRAÇÃO DA JOVEM Maria Laura Benassi

O sábado 26 de janeiro de 2013 ficará na memória, na história e no coração da jovem Maria Laura, que vive momentos de muitas alegrias neste início de 2013. Na noite de sábado, ao lado dos familiares e amigos festejou, celebrou sua passagem à universidade, como caloura do curso de Direito na UEL, de Londrina. 
Foi só a primeira de muitas conquistas que Deus reserva para você. Maria Laura você aprenderá entre outras coisas, a  "amar a justiça e a honra como a menina de seus olhos. Ser sempre verdadeira, sincera e lógica. E implorar a Deus ajuda para o êxito de suas demandas, pois ele é o primeiro protetor da justiça", como está no Decálogo do Advogado.
Maria Laura, a festa é sua, mas a alegria é nossa. Mas a gratidão a Deus começa aos seus maravilhosos pais Benassi e Silvana, e deve se estender a todos que possibilitaram direta ou indiretamente, essa conquista abençoada e maravilhosa. 
Viva! Queremos estar juntos de novo celebrando a sua formatura. Viva! 
Família e amigos reunidos para celebrar uma conquista importante da jovem Maria Laura.

WEVERTON FIDÉLIS, campeão mundial de Atletismo no primeiro programa Tocando de Primeira de 2013 na Rádio Colméia


O campeão Mundial de Atletismo Weverton Fidelis, 16 anos, Talento Olímpico Paranaense-TOP, esteve neste sábado (26/01) no programa Tocando de Primeira na Rádio Colméia AM, de número 1.007. Ele falou e vibrou da sua conquista como campeão mundial da prova dos 3 mil metros nos Jogos Olímpicos Escolares, em Sidney, na Austrália, onde representou e trouxe a única medalha de ouro para o Brasil. Contou ao lado do técnico Paulinho Costa sobre a façanha da medalha de bronze nos 1.500 m rasos. 


Talento revelado nas provas do Circuito de Corrida de Rua Horley Casali promovido Fecam, desde 2012 já competiu em diversas provas internacionais.
Weverton Fidélis é campeão Brasileiro de cross country, medalha de bronze no Sul-americano de cross country, detentor da melhor marca brasileira nos 1.500 e 2 mil com obstáculos, segundo melhor três mil metros. 

Em maio de 2012 ele competiu em Londres, nos Jogos Escolares Britânicos, onde ficou em 3º lugar nos 3 mil metros. È ainda campeão brasileiro Interclubes, vice-campeão brasileiro escolar nos 3 mil metros e campeão dos Jogos da Juventude do Paraná, entre outros títulos que já conquistou. 

Weverton Fidélis e Ilivaldo Duarte no estúdio da Rádio Colméia AM em Campo Mourão, na primeira entrevista do programa Tocando de Primeira em 2003. 

EVANGELHO DO DIA, domingo, 27 de janeiro de 2013

EVANGELHO DO DIA 27 DE JANEIRO DE 2013
LUCAS 1, 1-4;  4, 14-21
1Muitas pessoas já tentaram escrever a história dos acontecimentos que se realizaram entre nós2como nos foram transmitidos por aqueles que, desde o princípio, foram testemunhas oculares e ministros da palavra. 3Assim sendo, após fazer um estudo cuidadoso de tudo o que aconteceu desde o princípio, também eu decidi escrever de modo ordenado para ti, excelentíssimo Teófilo.4Deste modo, poderás verificar a solidez dos ensinamentos que recebeste. 
Naquele tempo, 4,14Jesus voltou para a Galileia, com a força do Espírito, e sua fama espalhou-se por toda a redondeza. 15Ele ensinava nas suas sinagogas e todos o elogiavam. 16E veio à cidade de Nazaré, onde se tinha criado. Conforme seu costume, entrou na sinagoga, no sábado, e levantou-se para fazer a leitura. 17Deram-lhe o livro do profeta Isaías. Abrindo o livro, Jesus achou a passagem em que está escrito: 18“O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me consagrou com a unção para anunciar a Boa-nova aos pobres; enviou-me para proclamar a libertação aos cativos e aos cegos a recuperação da vista; para libertar os oprimidos 19e para proclamar um ano da graça do Senhor”. 
20Depois fechou o livro, entregou-o ao ajudante e sentou-se. Todos os que estavam na sinagoga tinham os olhos fixos nele. 21Então começou a dizer-lhes: “Hoje se cumpriu esta passagem da Escritura que acabastes de ouvir”. Palavra da Salvação. Glória a vós Senhor.