22 de jul de 2012

ENTREVISTA DE DOMINGO: Jader Lupércio dos Santos

Com habilidade ímpar com a perna esquerda, Jader Lupércio dos Santos, mourãoense há 28 anos e nascido na paranaense Itaguajé, é o homenageado na ENTREVISTA DE DOMINGO. 
Nos bons tempos do futsal de Campo Mourão na década de 80 com fortes campeonatos e muitos times competitivos, onde o ginasinho JK frequentemente estava lotado, Jader foi campeão com a forte equipe da Paraná Diesel, que fazia frente à Arcam, Joper, Mecânica Marcos e Fertimourão.
Muito conhecido no meio esportivo mourãoense ele conta um pouco da sua vida e das suas conquistas. 
Nos Jogos os Funcionários da Coamo, o JIU, cuja edição 2012 foi encerrado em 21 de julho, ele defendeu as cores da equipe da gerência Financeira - onde trabalha há 18 anos- e atuou em algumas regionais como voluntário na coordenação técnica.
“Sempre joguei bola nos campinhos perto de casa, jogava futsal no colégio e fui até convidado a jogar futebol de campo no XV de Novembro de Campina da Lagoa. Comecei jogando de lateral esquerdo e depois promovido à meia esquerda”, conta Jader, qu recentmente sagrou-se tetracampeão dos Jogos Interclubes de Campo Mourão no futebol suíço - Categoria Sênior.                       

QUEM É JADER LUPÉRCIO DOS SANTOS? Nasci em Itaguajé - PR, em 10.09.1966. Sou filho de Helena Maria de Paula e Juvêncio Sebastião dos Santos. Sou irmão de Alex, Fábio e Bruna. Casado com Araceli Ferreira dos Santos e pai de Felipe, Marcelo e Ana Beatriz.
COMO VOCÊ SE DEFINE? Uma pessoa trabalhadora e que sempre cumpri com os seus compromissos, um bom pai, um bom marido e sempre disposto a ajudar seus colegas.
ONDE E COMO FOI SUA INFÂNCIA? Morei em Itaguajé até os meus três anos, passei também por Campo Mourão e aos quatro anos já morava em Campina da Lagoa, as minhas brincadeiras de criança eram soltar pipa, bolinha de gude e logo cedo as brincadeiras com a bola de futebol.
NOTA DO BLOG: Itaguajé no norte central paranaense, fi criado em 26 de novembro de 1951 e instalado em 30 de novembro de 1952, após ser desmembrado de Santo Inácio.
O nome Itaguagé, que vem do tupi-guarani (ita+guag), significa "pedra brilhante ou pintada", possivelmente pela existência de cristais de rocha ou quartzo na região. Nas imagens, vista aérea e do Cristo Redentor em Itaguajé.
DESDE QUANDO EM CAMPO MOURÃO? Estou desde 1984, terminei o segundo grau e fiz vestibular em Campo Mourão, passei na Fecilcam e estou aqui até hoje.

ONDE ESTUDOU E QUE CURSOS FEZ? Cursei da primeira à oitava série em Campina da Lagoa, fiz o segundo grau em Maringá cursando Desenho Arquitetônico, pois queria ser um Engenheiro Civil, porém o destino me trouxe a Campo Mourão e acabei fazendo Administração pela Fecilcam e posteriormente Pós-graduação pela Faculdade Integrado em MBA – Controladoria e Análise Contábil-Financeira.
O QUE FAZ NA VIDA PROFISSIONAL?  Iniciei trabalhando com meus 14 anos como cobrador em um escritório de contabilidade em Campina da Lagoa por 01 ano, pois em seguida fui estudar em Maringá. Aos 18 anos já em Campo Mourão, trabalhei por um ano na Fundação Educacional de Campo Mourão, posteriormente fui bancário por 8 anos no Unibanco e há 18 anos trabalho na Coamo no Departamento Financeiro como Encarregado do Setor de Contas a Receber.
Nestes anos trabalhando na Coamo, sempre participei do programa 5S, principalmente no "S" do Social, em campanhas de agasalhos, campanhas de higiene pessoal, campanhas de fraldas e também ajudando no sopão com a grande participação da dona Clair.
COMO É O SEU DIA A DIA? Sou muito caseiro, de casa para o trabalho e do trabalho para casa. Como gosto de jogar bola, nas quintas e domingos sempre jogo meu futebol. Nas horas vagas gosto de assistir televisão principalmente os esportes. Meu filho mais velho Felipe (17) já trabalha na Coamo como aprendiz, o Marcelo (12) pratica sua atividade esportiva em uma escolinha de futsal e minha Ana Beatriz (10) participa da aula de Jazz e sempre que posso estou acompanhando o desenvolvimento das crianças.
O QUE JÁ FEZ QUE SE PUDESSE, JAMAIS TERIA FEITO OU FARIA DE NOVO?  Não me arrependo de nada do que fiz até hoje, penso que poderia ter feito mais pelo próximo e isso sim é um dos meus objetivos futuros.
O QUE AINDA NÃO FEZ, QUE SONHA E ALMEJA UM DIA FAZER? Tenho vontade de fazer uma viajem pelo Brasil/Nordeste com minha família. Tenho 19 anos de casado e nossas férias/viagens sempre são aqui por perto. Quem sabe no ano que vem quando fizermos 20 anos de união conseguiremos realizar esse sonho.
DO QUE TEM SAUDADES?  Tenho saudades do meu tempo de criança, não tinha preocupações com o futuro e podia andar pelas ruas de bicicleta ou mesmo a pé sem medo de nada. Hoje em dia está ficando cada vez mais difícil fazer alguns programas que antigamente eram tão simples.
QUEM SÃO MOURÃOENSES EXEMPLOS NA COMUNIDADE? Tenho uma admiração muito grande pelo trabalho desenvolvido pela dona Jacira (Na imagem abaixo, dona Jacira recebendo doações da equipe da gerência Financeira da Coamo, dentro do Programa de Qualidade 5S).
Geraldo dos Santos da Fiorella e também Amani Spachinski de Oliveira professor, escritor e poeta.
CITE TRÊS PERSONALIDADES ESPORTIVAS DE CAMPO MOURÃO? Itamar Tagliari pelo trabalho com o futsal; Paulo Gilmar Fuzeto pelo belo trabalho efetuado há anos frente à Arcam e também Ronaldo (Escolinha Copel) e Gordo (Escolinha Urupês) pelo trabalho que fazem com as categorias de base do futsal mourãoense. Destas escolas, com certeza sairão os nossos craques do futuro.
CITE PERSONALIDADES MOURÃOENSES? José Aroldo
Galassini pelo trabalho de anos a frente da maior Cooperativa da América Latina e Denir Daleffe, empresário da Cometa/Pousada Fazendinha.
QUAL DEVERIA SER O PERFIL DO PRÓXIMO PREFEITO DE CM?  Uma pessoa honesta e com princípios, voltada ao bem comum da população, buscando melhores condições da educação e saúde, em busca mais emprego e renda, incentivando o esporte e à cultura.
QUANDO COMEÇOU A JOGAR CAMPEONATOS? Sempre joguei bola nos campinhos perto de casa, jogava futsal no colégio e fui até convidado a jogar futebol de campo no XV de Novembro de Campina da Lagoa, comecei jogando de lateral esquerdo e depois promovido à meia esquerda.
QUAIS OS SEUS PRINCIPAIS TÍTULOS? Já fui campeão nos Jogos Interclubes de Campo Mourão nas categorias livre, master e sênior.
Fui também campeão bancário de futsal pelo Unibanco, campeão citadino de futsal pela Paraná Diesel (foto abaixo) em 1989 e várias vezes nos jogos internos na Arcam.

QUAL O MELHOR TIME QUE JÁ ENFRENTOU? Já enfrentei grandes times em vários campeonatos de futsal, suíço e futebol de campo. Joguei contra grandes times da Arcam, Mecânica Marcos, Mercado Columbia, Tapeçaria Joper, Fertimourão e Coopermibra.
QUAL O MELHOR TIME EM QUE JÁ JOGOU? É difícil falar de um time apenas, pois já participei de grandes times com grandes jogadores. Mas o último sempre chama a nossa atenção: o time de futebol suíço sênior da Arcam de 2012 no Interclubes ficará sempre na minha memória.

NA SUA OPINIÃO, QUAL O ESTÁGIO E O FUTURO NO NOSSO FUTSAL E FUTEBOL MOURÃOENSE? Joguei muitos campeonatos de futsal e com certeza tinha mais torcedor vibrando com os jogos do que hoje na primeira divisão do paranaense. Estou triste por ver nosso time nas últimas posições, os empresários deveriam se unir para formar um time para disputar títulos e assim os torcedores voltariam às quadras para vibrar com o nosso time. O futebol também passa pelo mesmo momento, quando tínhamos o Sport, a Adap, a gente via o estádio Roberto Brzezinski sempre cheio para empurrar o time, e com a Adap fomos até vice-campeão. Vamos ficar na torcida para que o futsal e futebol voltem a dar alegrias a nós torcedores mourãoenses. Na imagem, no final da década de 80, o bom time do Sport Club Campo Mourão, o "Leão do vale".
QUAL DECISÃO MARCOU SUA VIDA? Muitas decisões marcaram minha vida, mas ser campeão citadino de futsal em 1989 foi marcante. Pela Paraná Diesel não tínhamos um grupo forte para ganhar da Mecânica Marcos,  que na época, era uma seleção. Mas  jogamos com garra e determinação, e na prorrogação, fizemos um gol que ficará na minha memória por muitos e muitos anos.
QUAL GOL FOI IMPORTANTE EM SUA VIDA? Não  sou um jogador de fazer muitos gols, sou mais de assistências, mas na final Interclubes Sênior 2012 ganhamos de 4 a 1 e fiz dois gols - um de direita em uma jogada do Baú e outro de esquerda em uma jogada do Marciel.
EM QUEM VOCÊ SE ESPELHA, QUEM SERIA UM "NOVO JADER"? Gostava muito de ver o Neto jogando pelo Corinthians, dando assistências e fazendo gols inclusive de falta. Gostaria de ver meus filhos (Felipe e Marcelo) jogando profissionalmente já que não tive essa oportunidade. Porém não são canhoteiro como o pai, mas acredito que o Felipe seguirá por outros caminhos. Assim, estou apostando minhas fichas no Marcelo. Vamos acompanhar.
FUTEBOL É JEITO OU FORÇA? Futebol é jeito, quem tem o dom vai longe, é claro que tem que ralar muito mas com certeza chegará, pois a força é utilizada somente por aqueles que não tem o jeito para o futebol. Na imagem abaixo, o Sênior da Arcam, tricampeão dos Jogos Interclubes d Campo Mourão  (2011), com Jader de capitão, recbendo o troféu na Arcam.

NEYMAR, PATO OU DAMIÃO? Mesmo não sendo santista, sou fã do Neymar. Pois é o mais completo, rápido, habilidoso e também faz muitos gols.
O QUE REPRESENTOU O TÍTULO DO "TIMÃO" NA  LIBERTADORES? Era um sonho distante, mas hoje virou realidade, com uma equipe forte, comissão técnica competente e todos remando para o mesmo objetivo, não tinha como dar errado, somos campeões. Vai Corinthians!!

VAPT-VUPT
Ética... devemos praticar todos os dias.
A política é... deveríamos ter políticos mais preparados.
Campo Mourão do presente é... a cidade que eu amo.
A Campo Mourão do futuro será... uma metrópole se os políticos fizerem sua parte.
Comida... churrasco em família.
Música... sertaneja.
Religião... católica.
Um fato inesquecível... meu casamento.
Um fato marcante... o nascimento dos meus filhos.
Uma imagem... a morte do Ayrton Senna.
Um sonho... ver meus filhos formados e bem de vida.
Ser tetracampeão do Sênior... a realização de um grupo formado somente por craques e por uma comissão técnica exemplar.
Arcam é... a melhor associação de Campo Mourâo.
QUAL PERGUNTA GOSTARIA DE TER RESPONDIDO QUE NÃO FOI PERGUNTADO NA ENTREVISTA DE DOMINGO? Não ficou nada sem perguntar, as perguntas fecharam o ciclo da minha vida. Do dia 13 até a presente data passou um longa metragem de 45 anos bem vividos, sempre perto do meu Pai Juvi e Mãe Helena, apesar de separados, dos meus tios Homero e José Carlos e a menos de um ano conheci o Tio Jackson, dos meus irmãos Alex, Fábio e Bruna, dos meus filhos Felipe, Marcelo e Ana Beatriz e minha querida esposa Araceli.
QUAL SENTIMENTO DE RECEBER ESTA HOMENAGEM? Recebi o convite dia 13.07.12 às 09h22,  sexta-feira 13. Para alguns um "dia de azar" e para outros como um "dia de muita sorte". Realmente não esperava tal convite e fiquei muito feliz e emocionado. Dos nossos grandes amigos devemos sim esperar somente coisas boas e essa homenagem feita pelo Ilivaldo Duarte ficará para sempre registrada no meu coração.
QUAL O SEU RECADO AOS LEITORES? Para você está lendo essa entrevista, continue acompanhando o belo trabalho do Ilivaldo através do blog, do Tocando de Primeira, do Jornal Coamo, do Difucam, pois ele é um iluminado.

2 comentários:

  1. Você, confrade Ilivaldo, nos presenteia com mais uma bela história de vida, desta feita, do ilustre Jader Lupércio dos Santos! Parabéns Ilivaldo, por esta iniciativa! Ao amigo Jader Lupércio dos Santos, desejo-lhe muita força e luz na sua caminhada!

    Agnaldo Feitoza

    ResponderExcluir
  2. PARABÉNS JADER PELA HOMENAGEM QUE DEUS CONTINUE A ILUMINAR SEU CAMINHO E DE SUA FAMILIA QUE É ABENÇOADA E LEMBRE -SE SEMPRE ATRÁS DE UM GDE HOMEM SEMPRE TEM UMA GDE MULHER E VC CONCERTEZA A TEM SEMPRE AO SEU LADO.

    ResponderExcluir