27 de abr de 2011

DINA CARDOSO e o programa "DEUS na Escola"



"Em Farol, o programa “DEUS NA ESCOLA” foi idealizado por um grupo de pessoas interessadas em assentar um ou outro tijolo na construção desse suporte, focado no ensino de valores humanos na escola.

Numa sociedade marcada por tantas desigualdades e imoralidade, o senso do sagrado pode ajudar na formação discente de forma que no amanhã, se tenha profissionais dignos e competentes, que exaltem e defendam os valores éticos, morais e espirituais, tão necessários a grandeza de uma nação.
Cremos que o ensino religioso nas escolas deve, antes de tudo, fundamentar-se nos princípios da cidadania e do entendimento do outro. O conhecimento religioso não deve ser um aglomerado de conteúdos que visam evangelizar ou procurar seguidores de doutrinas, mas um caminho a mais para o saber sobre as sociedades humanas e sobre si mesmo. O enfoque é o ser humano enquanto ser em busca de transcendência que ultrapassa o conhecimento comum das crenças que têm um conhecimento dado e aceito na adesão de fé.
A escola é fundamentalmente um local de produção e construção do conhecimento, devendo, portanto oferecer cientificamente elementos necessários para a descoberta da sabedoria. A convivência ecumênica e o combate à intolerância religiosa são as melhores lições que qualquer escola pode dar a seus alunos, pois fazendo isto estaremos construindo e alimentando a paz no mundo e evitando históricos exemplos de terrorismo que freqüentemente estamos a ver no mundo. As grandes guerras da humanidade tiveram e ainda têm motivações religiosas, portanto esperamos que o Programa “DEUS NA ESCOLA” desperte-nos para a imensa responsabilidade de criar produtores da paz.
A verdadeira educação é aquela que molda o caráter e seus resultados positivos, para a comunidade, como a diminuição e controle da violência, e construção de relações. A verdadeira educação deve transformar o ser humano através do desenvolvimento de virtudes em seu coração, tornando-o bondoso e compassivo, afim de que sua inteligência seja usada para um fim benéfico para si e para a humanidade, dessa maneira, a escola passa a ser, um local de avanço para humanidade.
Diante desse quadro e entendendo a escola como um espaço, principalmente, de integração social e desenvolvimento pessoal dos alunos, fez-se necessário criar estratégias com o intuito de melhorar essa situação, visando proporcionar um ambiente mais atrativo e acolhedor, para que eles possam repensar suas atitudes, desenvolvendo sua afetividade, seu senso de ética, cidadania e justiça, minando, aos poucos, a agressividade que costumam cultivar no dia a dia. Esse é o desafio a que nos propomos!O Ensino Religioso representará um acréscimo ao processo de formação do cidadão. Neste sentido, a disciplina de Ensino religioso poderá ressignificar os valores permanentes do homem, ao reforçar os laços familiares, combater o excesso de competição e de individualismo, e ressaltar a solidariedade e a cooperação como formas de estar melhor no mundo.
A Educação em Valores Humanos é uma prática educativa escolar abrangente e criativa que promove a revalorização do sagrado na vida cotidiana. Ele tem a espiritualidade como meta e, o mais importante, salienta que Deus não está somente nos templos ou nas religiões instituídas, mas, principalmente, no coração."

Dina Cardoso, prefeita de Farol (PR)

Nenhum comentário:

Postar um comentário