30 de mar de 2010

TROFÉU TOCANDO DE PRIMEIRA para Yé Ramos, do grupo Minuano


Batizado José Almensor Bittencourt Ramos, o conhecido Yé Ramos, do grupo Minuano que tem mais de 30 anos de carreira e acaba de lançar em Campo Mourão o seu primeiro CD/DVD solo, foi merecidamente homenageado no sábado (27/03) na edição 867 do programa Tocando de Primeira, na Rádio Colméia AM, de Campo Mourão.
As fotos nesta edição mostram momentos da homenagem que contou no estúdio com as presenças de músicos que acompanham o Yé há muitos anos e também do músico e artista Luiz Carlos Jarutais - amanhã postarei uma poesia de sua autoria em homenagem ao Yé Ramos.
Durante quase uma hora, Yé contou um pouco da sua história de vida e de cantor, e se emocionou quando entrevistei ao vivo os amigos de longa data Ivone e Valmor Fiori, e Jaime Fiori,
o radialista e tradicionalista José Ernesto Tavares, que marcou época no rádio e na televisão mourãoense e que hoje está em Maringá,
e a filha Betina, direto de Toledo, para surpresa do seu pai que se desmanchou e foi às lágrimas.
Ufa! Haja coração, como diria Fiori Giglioti.

A história deste sucesso do Yé com o Grupo Minuano se confundem.
Um grupo que inicialmente se chamava Os Selvagens formado pelos irmãos, José (Yé), Cid, Oscar, Clóvis, Jairo, e Edgar, todos de Carazinho (RS). Depois, passou a ser em Joaçaba (SC) os Irmãos Ramos e em Campo Mourão passou a se chamar Grupo Minuano em 1979.

"Sou alguém que ainda luta pelos sonhos e ideais, busco realizar novos projetos como sempre fossem os primeiros de minha vida", disse Yé, após receber o troféu Tocando de Primeira parecendo mais um guri faceiro de tanta felicidade.
Viva a cultura gauchesca, viva o Yé Ramos! Viva o grupo Minuano! Amanhã tem mais! Tem a poesia do amigo Jarutais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário